Últimas

Professores do Alto Solimões lançam livro sobre o uso das tecnologias digitais em sala de aula

Um grupo de aproximadamente 20 profissionais da Educação do município de Santo Antônio do Içá, no Alto Solimões, lança, nesta sexta-feira (16/07), o livro “Experiências de Letramento Digital no interior do Amazonas”. A obra é resultado do curso de pós-graduação lato sensu em Letramento Digital, oferecido pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Desporto.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Com o objetivo de promover a formação, o aperfeiçoamento e a atualização dos docentes para o uso reflexivo e crítico das tecnologias digitais em sala de aula, o curso de pós-graduação foi oferecido entre os anos de 2018 e 2019, com o livro sendo organizado pelos professores Pedro Pontes de Paula Júnior e Sanderly Dácio Nunes durante 2020 e publicado, agora, pela editora Alexa Cultural.

Segundo Pedro Pontes, a obra reúne artigos que trazem experiências diversas, como: gamificação; produção de áudio-histórias, programas de rádio e vídeos; e utilização de aplicativos de celular nas aulas, como Shareit, WhatsApp, Ler e Contar e Human Body 3D.

“Embora os trabalhos tenham temáticas diversificadas, o mesmo destaca, de modo geral, o esforço para que os alunos entrem em contato com as tecnologias digitais de modo significativo, reconhecendo as possibilidades em seu uso e se apropriando dessas ferramentas”, afirmou Pedro.

O livro “Experiências de Letramento Digital no interior do Amazonas” pode ser obtido no site da editora Alexa Cultura e traz 254 páginas, 19 capítulos e um prefácio escrito pelo professor doutor Guilherme Gitahy de Figueiredo. Além de Pedro e Sanderly, participam da obra 20 autores, todos participantes da turma de pós-graduação.

A professora Sanderly Dácio Nunes, assistente do curso de especialização em Letramento Digital, conta como surgiu a construção do livro: “A obra foi realizada coletivamente. Como organizadora, tive o intuito de mostrar as intervenções aplicadas em sala de aula, direcionando os profissionais da Educação a terem conhecimento das ferramentas tecnológicas para que saibam utilizá-las, adequando a sua prática pedagógica”, finalizou.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.