Últimas

Adolescente morre após ser estuprada e mãe do abusador o entrega à polícia

Brasil – Uma adolescente de 13 anos morreu nesta quinta-feira (19) após ser vítima de estupro em Sobral, no interior do Ceará. Segundo a mãe da garota, Maria Ticiane Alves contou que foi drogada, obrigada a ingerir bebidas alcoólicas e violentada. O crime aconteceu na noite do último domingo (15), mas a morte foi confirmado nesta quinta-feira.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O suspeito de cometer o crime, um adolescente de 16 anos, foi apreendido por equipes da Polícia Civil após a mãe dele denunciar o paradeiro do filho. Ela afirmou à polícia que estava entregando o paradeiro dele por medo, já que ele estava sofrendo ameaças de morte. O adolescente já responde a atos infracionais pelos crimes de homicídio doloso e tráfico de drogas.

O crime

Muito abalada, a mãe da vítima disse que no último domingo, saiu para a igreja e que a filha avisou que estava indo para o aniversário do irmão de uma amiga. Quando a mãe dela chegou do culto, a menina ainda não havia retornado para casa. Ela procurou pela filha e encontrou a menina drogada, fora de si, e com sinais de violência sexual. Chorando, ela disse para a mãe quem havia cometido o crime contra ela.

A menina ficou doente, precisou de atendimento médico e ontem teve várias complicações em consequência do estupro. Uma equipe do Samu foi acionada, mas a adolescente não resistiu.

“Quando eu observei ela estava toda roxa, a boca branca, tudo parado. Ficou toda gelada e com o corpo duro. Eu disse: ‘meu Deus, será que a minha filha morreu?’. Chamaram o Samu e disseram que não podiam vir, que a gente levasse para o posto […] minha filha está morta, minha filha morreu. O Samu veio, reanimou ela, disse que ela estava bem, que estava se reanimando, mas minha filha já estava morta. Eu vi ela morta”, disse a mãe da menina, emocionada.


Em entrevista à TV Verdes Mares, o delegado de Sobral, Rômulo Sousa, disse que a Polícia Civil já ouviu testemunhas e que o laudo da morte da adolescente comprova que a hemorragia foi a causa. O Ministério Público do Ceará (MPCE) determinou a internação provisória do suspeito, que completou 16 anos nesta sexta-feira (20) e já passou por audiência na manhã de hoje.

“Diligenciamos no intuito de descobrir quem era o autor, as testemunhas, e durante essas diligências, a mãe do infrator veio a delegacia, informou o local onde ele supostamente estaria escondido e que temia pela vida do filho, pois ele estaria sofrendo ameaças de morte. A gente tomou providência e localizou o adolescente”, explica o delegado.

Fonte: G1 Notícias

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.