Últimas

Cigás adota inteligência de análise de dados para aperfeiçoamento do serviço prestado

A Companhia de Gás do Amazonas (Cigás) deu importante passo no processo de aperfeiçoamento da gestão e transformação digital. A concessionária, responsável pela distribuição e comercialização de gás natural no estado, concluiu o projeto-piloto de implantação de sistema de inteligência de análise de dados (Power BI) para gestão de seu desempenho.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

A ação compreendeu a primeira fase de amplo projeto que tem por objetivo a implantação, na Companhia, dessa tecnologia inovadora – já amplamente utilizada no mercado –, capaz de contribuir com a gestão e favorecer a melhoria do serviço prestado. O projeto-piloto de modernização tecnológica envolveu todas as áreas da concessionária.

A mudança na matriz de geração e análise de dados já está trazendo reflexos positivos para a Companhia. Essa nova ferramenta de gestão está favorecendo a ampliação da confiabilidade e da transparência de dados, permitindo maior celeridade aos processos.

De acordo com o diretor Administrativo-financeiro da Cigás, José Ricardo dos Santos Neto, a ferramenta também está auxiliando na construção de ponte entre os dados e a tomada de decisão por parte das áreas gestoras e da direção. Com isso, aperfeiçoa o serviço prestado à população de promover soluções energéticas a partir do gás natural (GN) e dessa forma, contribui para o desenvolvimento econômico e socioambiental do Amazonas.

O resultado positivo do projeto-piloto impulsionou a decisão da direção da Companhia de ampliar a aplicabilidade do sistema de inteligência de análise de dados em outras áreas devido aos diversos benefícios. A diretoria executiva determinou a realização de diagnóstico setorial, com envolvimento de todas as unidades da Companhia, com o intuito de identificar o melhor aproveitamento da ferramenta visando ampliar a análise de dados e contribuir para os índices de eficiência da gestão.

Adicionalmente, o corpo técnico da Cigás passará por uma série de treinamentos com a finalidade de expandir a aplicação da ferramenta de inteligência de dados em processos do seu dia a dia. Por meio dessa iniciativa, pretende-se solidificar a cultura de análise de dados dentro da instituição, envolvendo colaboradores e ressaltando a importância de seu trabalho para o avanço das metas estabelecidas pela concessionária.

Expansão – O serviço prestado pela Cigás deve, até 2025, beneficiar 21 mil unidades consumidoras. Recentemente, a Companhia ultrapassou a marca de 6 mil unidades consumidoras, sendo estas dos segmentos Termelétrico, Industrial, Veicular, Comercial e Residencial. O GN fornecido pela concessionária também proporcionou mudanças na matriz de geração de energia elétrica da capital e dos municípios de Anamã, Anori, Caapiranga, Coari e Codajás.

A economia proporcionada pelo gás natural é o principal fator de atratividade. Outro benefício proporcionado pelo consumo do combustível é o ambiental. Somente em Manaus, a crescente utilização de GN tem representado redução nos índices de poluição provocada pela queima de combustíveis líquidos e de emissão de gases de efeito estufa (metano e dióxido de carbono). Esses dados foram comprovados por meio de pesquisa da Green Ocean Amazon, de 2017.

Obras – A Cigás tem intensificado as frentes de obras para a expansão da Rede de Distribuição de Gás Natural (RDGN) com equipes atuando paralelamente nas zonas Oeste, Centro-oeste, Centro Sul e Leste da capital amazonense. A estimativa é finalizar a maior parte das obras em outubro. Em alguns trechos, os serviços se estenderão até o final do segundo semestre. O cronograma de obras está à disposição para consulta no site da concessionária: https://www.cigas-am.com.br/obras.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.