Últimas

PC-AM prende homem condenado a 22 anos e dois meses de prisão por abusar sexualmente da enteada

Na segunda-feira (23/08), por volta das 9h, a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), prendeu um homem de 57 anos, em cumprimento a mandado de prisão em razão de sentença condenatória pelo crime de estupro de vulnerável, praticado contra a própria enteada, uma adolescente de 13 anos. O crime ocorreu em dezembro de 2019, em Manaus.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O homem foi preso na casa dele, no bairro Cidade Nova, zona norte da capital. Ele foi condenado a 22 anos e dois meses em regime fechado.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Depca, o infrator iniciou os abusos quando a adolescente tinha apenas 5 anos de idade. Ele tocava em suas partes intimas e, posteriormente, chamava-a para praticar os atos sexuais. Além disso, para fazer a vítima manter segredo, ameaçava a vítima dizendo que mataria a mãe dela.

“Após tomarmos conhecimento da ordem judicial, que foi expedida no dia 1º de março deste ano, pela juíza Articlina Oliveira Guimarães, da 2ª Vara Especializada em Crimes contra a Dignidade Sexual de Crianças e Adolescentes”, explicou a delegada.

Procedimentos – O homem foi condenado a 22 anos e dois meses para cumprir pena em regime fechado. Após os trâmites cabíveis na Depca, ele será levado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição da Justiça.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.