Últimas

Prefeitura apresenta resultados no ‘3º Painel Pedagógico’

A Prefeitura de Manaus apresentou na manhã desta terça-feira, 24/8, o 3º Painel Pedagógico do Departamento de Gestão Educacional, da Secretaria Municipal de Educação (Semed), que tem como objetivo socializar os procedimentos, resultados dos indicadores trabalhados nos setores coordenados pelo Departamento de Gestão Educacional (DEGE).

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O encontro, que resultou em propostas de intervenções que contemplem as metas não alcançadas dos referidos setores, foi realizado no auditório da Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM), na avenida Maceió, Parque 10, zona Centro-Sul da cidade.

Os resultados são referentes aos meses de junho e julho, no qual todo trabalho pedagógico apresentado faz parte do desenvolvimento de políticas públicas, programas e projetos que embasam o processo de ensino-aprendizagem da educação básica da rede municipal de ensino.

O secretário municipal de Educação, Pauderney Avelino, destacou que a maior meta do prefeito David Almeida e de toda equipe da Semed é combater o analfabetismo e priorizar a preparação dos alunos para o Sistema de Avaliação de Educação Básica (Saeb), do Ministério da Educação (MEC), que acontece em novembro para todas as redes de ensino públicas do país.

“O prefeito David e todos nós, da Semed, sabemos da dificuldade do rendimento dos alunos referente ao ano de 2020 devido a pandemia, mas agora cabe a nós resolver essa situação com os programas, projetos que foram elaborados por toda equipe pedagógica. Nós temos muita confiança no trabalho de toda equipe de educadores da Semed, que são comprometidos e responsáveis com as suas obrigações”, ressaltou Pauderney.

Para o Gerência de Documentação e Auditoria Escolar (GDAE), o acompanhamento in loco nas escolas para acompanhar a documentação, não foi alcançada por conta da Covid-19, mas a regularização da vida escolar do estudante, como inconsistência do histórico escolar, assim como a correção das irregularidades encaminhadas para a Gerência, alcançaram 100% do atendimento.

“A educação não acontece com represálias, mas precisamos acelerar, mas com moderação, precisamos olhar para as nossas ações e buscar os avanços necessários para alcançar um ensino de aprendizagem com qualidade para os nossos mais de 250 mil alunos, e esse momento serve para isso, analisar nossas atividades, programas e projetos”, afirmou o subsecretário de Gestão Educacional (SGE), Carlos Guedelha.

De acordo com o diretor da Dege, Evaldo Bezerra, o painel serve exatamente para mostrar os resultados do que já foi colocado em prática pelos setores e o que ainda precisa ser melhorado.

“É necessário apresentar para toda a equipe da Semed todas as ações, demandas do Dege, é isso nos dá visibilidade das principais atividades que foram desenvolvidas pelo departamento e verificar o que deu e o que não deu certo, para melhorar”, explicou o diretor.

Ações

Participaram do Painel, representantes da Divisão de Avaliação e Monitoramento (DAM), Coordenadoria de Esportes (COORDESP), Gerência de Atividades Complementares e Programas Especiais (GACPE), Gerência de Educação Especial (GEE), Centro Municipal de Educação Especial (CMEE).

O CMEE apresentou os resultados de alunos com deficiência atendidos na avaliação biopsicossocial, que foi 63%, sendo a meta de 70%. Foram agendadas 323 crianças, 127 não compareceram. No atendimento dos programas especializados e intervenções multiprofissionais, o atendimento foi de 87%, ultrapassando a meta que era de 75%. Assim como no atendimento domiciliar, que a meta era de 60% e o índice alcançou 91%.

Já o DAM apresentou o resultado da elaboração da Avaliação de Desempenho do Estudante (ADE) no processo de aplicação, que foi alcançada a meta de 100%.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.