Últimas

Prefeitura implanta infraestrutura no ramal Cachoeira do Leão, no quilômetro 37 da AM -010

Obras de infraestrutura implantadas pela Prefeitura de Manaus já são realidades vistas de perto por centenas de famílias que moram no ramal Cachoeira do Leão, no quilômetro 37 da AM-010.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Os serviços, que visam asfaltar cerca de oito quilômetros do ramal, estão sendo realizados por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), garantindo a trafegabilidade das famílias, o direito das crianças de ir e vir da escola com segurança e o escoamento de produtos agrícolas dos pequenos agricultores da região.

Máquinas e servidores da Seminf realizaram a terraplanagem e a compactação total do solo, e, nesta quinta-feira, 12/8, as obras seguem em ritmo acelerado, com a aplicação da fresa, o que garante uma nova estrutura para os moradores.

De acordo com o subsecretário municipal de Comunidades da Seminf, Wagno Oliveira, as obras são de grande relevância para essas comunidades. Segundo ele, após levantamento técnico, foi detectado que muitos ramais sofriam há décadas com a falta de políticas públicas, e o prefeito David Almeida determinou que todas as massas fresadas das grandes avenidas fossem reaproveitadas nos ramais.

“Essa obra tem grande relevância para os moradores da região. Além de facilitar o escoamento dos produtos dos agricultores, uma das maiores reclamações que recebemos era que as crianças não podiam mais ir à escola. O ônibus escolar que vinha até a porta desses alunos para levar à escola ficava a uma distância de quase 1,5 quilômetro e elas tinham que se deslocar por cima de lama, melando seus pés, às vezes até caindo nessas poças de lamas para poderem ir à escola. A determinação do prefeito David Almeida é que nós viéssemos e resolvêssemos esse problema. Em dez dias devemos finalizar essa obra para atender a outros ramais. Todo o ramal está fresado, com o material que retiramos de obras nas grandes avenidas de Manaus, como a das Torres e a Torquato Tapajós. Esse material, nas gestões anteriores, não sabíamos o que era feito e, nessa gestão, sabemos o que tem que ser feito, colocando fresa em todos os ramais até o final do mandato”, ressaltou Oliveira.

A dona de casa Elizângela Sena Dias, moradora da região, há mais de 20 anos sofria com os atoleiros e as dificuldades de locomoção. Agora, se diz muito gratificada com as obras. E tem acompanhado de perto os serviços que têm um prazo estimado de mais 10 dias de obras.

“Quando a gente ia sair, tinha muita lama. Quando era dia de chuva, a gente não conseguia nem andar, tinha que colocar sandália para fora, dentro de uma sacola, levar uma garrafa com água, para quando chegar à parada do ônibus, lavar os pés da gente era muito difícil. Agora não, está ótimo. Obrigada, prefeito, por essa bênção que o senhor mandou, por fazer essa bênção aqui para nós, muito obrigada mesmo”, disse.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.