Últimas

Comunidades da RDS Rio Negro recebem censo demográfico

A Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) Rio Negro, localizada entre Manaus e os municípios de Iranduba, Manacapuru e Novo Airão, está passando por um censo demográfico. A atividade vai percorrer 19 comunidades da Unidade de Conservação Estadual até o final de outubro.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Segundo o gestor da RDS, Miquéias Santos, o censo vai permitir traçar um diagnóstico e a prospecção de potenciais da área protegida. “Essa ação, além de fornecer dados atualizados do número de famílias de cada comunidade, nos dará um panorama de como está a reserva atualmente”, disse.

Para a atividade, 10 comunitários foram selecionados para atuar como recenseadores – responsáveis por fazer o trabalho da coleta de dados por meio de entrevistas com os moradores para o censo demográfico.

Os comunitários passaram por uma capacitação, que contou com estudo do questionário, a prática de abordagem em campo e um treinamento para o uso de um aplicativo que realiza o registro fotográfico junto às coordenadas geográficas das moradias.

A ação está sendo coordenada pela técnica de conservação ambiental Francisca Pimentel. “O censo fornecerá indicadores demonstrativos atuais das potencialidades nas áreas de produção agrícola, pesqueira e, principalmente, turística, além de diagnosticar outras áreas ainda não potencializadas”, pontuou.

Além da RDS Rio Negro, a RDS Puranga Conquista – ambas integrantes do Mosaico do Baixo Rio Negro – também está passando pelo censo demográfico. Por lá, 500 moradias localizadas em nove comunidades já foram percorridas. Ao todo, a ação deve chegar a 14 comunidades.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.