Últimas

Programa Formando Cidadão, da Polícia Militar, beneficia mais de 300 estudantes com cursos profissionalizantes

Com oferta de cursos profissionalizantes e desenvolvimento de ações educativas para jovens em situação de vulnerabilidade social, o programa Formando Cidadão, da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), está beneficiando cerca de 300 estudantes regularmente matriculados nas oito bases de trabalho, sendo sete em Manaus e uma em Tefé. Criado há mais de 24 anos, o programa é direcionado a crianças e adolescentes, na faixa etária de 12 a 17 anos, e promove ações educativas sobre temas como ética, cidadania e educação militar.
 
Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

As atividades retornaram assim que o governo flexibilizou o decreto com medidas de prevenção à Covid-19. Com cursos gratuitos, as aulas acontecem de segunda a sexta-feira. O subcomandante do programa, tenente Acácio, comentou sobre as novidades adotadas para atrair os jovens.

“Nós temos inúmeras atividades sendo realizadas, desde a prática desportiva recreativa, cursos profissionalizantes, curso de informática, palestras sobre menor aprendiz, educação no trânsito. Neste ano temos uma outra roupagem do programa, na qual conseguimos produzir, nesse período pandêmico, o manual de instruções do programa”, disse.

Os cursos profissionalizantes são realizados em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). O manual é o currículo mínimo que é desenvolvido durante um ano até a formação do estudante. Para o ciclo completo da polícia, existe uma parceria com a Ronda Maria da Penha, por meio da qual os responsáveis pelos alunos recebem palestras sobre assistência social em caso de violência doméstica.

No mês de junho, os estudantes contaram com o curso de educação ambiental. Em julho, aprenderam sobre prevenção e combate ao uso de drogas. Atualmente estão estudando ética, cidadania e boas maneiras, para desenvolverem a capacidade de trabalhar de maneira organizada, tanto na escola quanto na sua casa.

“Eu sou o aluno que mora aqui perto e fico responsável por abrir a sala e arrumar os xerifes. Venho com o foco de me responsabilizar mais ainda e ficar aqui mais cinco anos para conseguir meu alistamento militar. Pretendo passar pelo Exército e me tornar uma pessoa de bom caráter para a vida. Pretendo ajudar meus pais com o programa, assim como fazer os deveres de casa e me responsabilizar mais com a família”, declarou o estudante Erick Douglas, de 13 anos, que participa do Formando Cidadão há quase dois anos.

De acordo com o tenente Acácio, no programa já foram identificados alunos analfabetos. Nesse caso, foi realizada uma reunião com os responsáveis e a criação de um Plano de Intervenção Pedagógica, que contou com professores de Língua Portuguesa.

O aluno Ryan Linhares, de 16 anos, disse que participar do programa trouxe muitas mudanças, ampliando os horizontes sobre a vida profissional.

“Estou no Formando Cidadão há cerca de quatro anos. Várias coisas mudaram na minha vida, desde acordar cedo, até na disciplina na escola. E até mesmo na sociedade, que eu não era de falar com ninguém, e hoje falo com quase todo mundo. Desde que cheguei aqui, comecei a pensar em várias outras coisas, foquei no sonho de ingressar nas forças armadas. Penso em dar um futuro melhor para mim e para minha família também”.

Localização das bases fixas do Formando Cidadão:

• PFC CPA Norte

• PFC CPA Oeste

• PFC CPA Sul

• PFC CPA Leste

• PFC 1º BPChoque (localizada no Km 17 da rodovia AM-010, próximo à barreira)

• PFC 15º Cicom

• PFC 17º Cicom

• PFC Tefé

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.