Últimas

Vigilância Sanitária do Amazonas capacita fiscais municipais sobre boas práticas na manipulação e armazenamento de alimentos

Na intenção de reduzir os riscos de surtos por alimentos no Estado, o Departamento de Vigilância Sanitária da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (Devisa/FVS-RCP) realizou na quarta-feira (15/09), uma videoconferência sobre ações de fiscalização de boas práticas nas vendas, manipulação e armazenamento de tucumã, queijo, peixes e açaí. A iniciativa foi voltada para fiscais sanitários dos municípios no interior do estado. No total, 60 pessoas acompanharam a palestra de forma remota.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Durante a videoconferência, foram abordadas características de cada alimento e os riscos que podem apresentar, com enfoque no armazenamento e distribuição dos alimentos.

O diretor-presidente da FVS-RCP, Cristiano Fernandes, frisa que a iniciativa é importante para que haja um controle de surtos relacionados a alimentos. “Nós, como vigilância em Saúde, estamos criando medidas para minimizar riscos de surtos. Por isso, foi necessário alinhar com os demais municípios maneiras de realizar esses procedimentos de fiscalização de forma padronizada”, destacou Cristiano Fernandes.

Capacitação – Cada tipo de alimento tem especificações para armazenamento e venda, como temperatura e higienização. Segundo o gerente de Serviços de Saúde da Devisa/FVS-RCP, Marco Pinto, a capacitação apresentou as diferenças entre cada.

“No caso do tucumã, por exemplo, foi ressaltado sobre a higienização do fruto antes da retirada da casca. O queijo pode oferecer riscos em caso de armazenado inadequado, reforçamos também a verificação do licenciamento das empresas que fabricam o produto”, explicou Marco, acrescentando que para a fiscalização do peixe é indispensável verificar a sua refrigeração, pois o mal armazenamento pode gerar toxinas.

Referência – A FVS-RCP é responsável pela Vigilância em Saúde do Amazonas e atua no monitoramento de doenças no estado. A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na avenida Torquato Tapajós, 4.010, Colônia Santo Antônio, Manaus.

O Departamento de Vigilância Sanitária (Devisa/FVS-RCP) é o setor da Fundação de Vigilância em Saúde do Estado do Amazonas (FVS-RCP) que monitora os riscos envolvidos na produção, circulação e consumo de bens e na prestação de serviços relacionados com a saúde.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.