Últimas

Cigás ressalta importância da regularização de conversão de veículos em palestra para técnicos do Detran-AM

Técnicos do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) participaram de palestra promovida pela Companhia de Gás do Amazonas (Cigás). A finalidade foi esclarecer sobre aspectos mercadológicos, técnicos e iniciativas de fomento ao mercado de gás natural veicular (GNV) adotadas pela concessionária, que é responsável pela distribuição e comercialização de gás natural.


A campanha de incentivo à conversão de veículos, “Faça a Conta. Use GNV!”, realizada pelo Governo do Estado, por meio da Cigás, foi um dos temas enfocados no encontro. A iniciativa, que conta com o apoio do Detran-AM, visa a concessão de incentivo no valor de R$ 4 mil a taxistas, motoristas de aplicativo e frotistas por conversão de veículo para uso de GNV. O investimento total da campanha é de R$ 1 milhão.

Na palestra, foi destacada a obrigatoriedade de regularização da mudança de característica do veículo, junto ao órgão de trânsito, como um dos critérios da campanha, sendo esclarecido que somente após a conversão em oficina credenciada pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e a total regularização junto ao Detran-AM é que os motoristas poderão se inscrever na campanha.

O hotsite da iniciativa, com todas as informações sobre a campanha, pode ser acessado pelo endereço eletrônico: www.usegnv.cigas-am.com.br.

Segundo o diretor técnico comercial da Companhia, Clovis Correia Junior, em paralelo com o objetivo de incentivar a conversão de veículos a GNV, no Amazonas, para tornar o mercado mais atrativo à abertura de novos postos de abastecimento com GNV, é imprescindível incentivar a regularização desses veículos junto ao órgão de trânsito competente.

Na oportunidade, ele frisou ainda as vantagens proporcionadas aos motoristas decorrentes do uso do gás natural veicular, principalmente a economia em relação a outros combustíveis e a maior autonomia. “O GNV é sem dúvida um aliado para motoristas”, complementou.

Projetos de expansão – Clovis Correia ressaltou que a Cigás tem um planejamento até 2025 com previsão de realização de uma série de obras na cidade. Ele chamou a atenção para dois projetos em especial: a construção de uma rede de baixa pressão de gás natural que irá favorecer o atendimento de indústrias de menor demanda; e o Anel Norte-Leste, que vai interligar os dois sistemas de rede da Companhia (Aparecida e Mauá), propiciando maior segurança operacional e expandindo a rede de distribuição para outras zonas da cidade.

“Pretendemos cada vez mais expandir a atuação da Cigás na cidade e com isso, atender maior número de pessoas”, afirmou.

A gerente de Habilitação do Detran-AM, Gleice dos Santos, destacou a iniciativa de realização da palestra que, segundo ela, foi a primeira de uma série de outras que podem ser realizadas para a troca de informações entre as duas instituições.

Outros aspectos – Também foram abordados no encontro as potencialidades das reservas de GN no Amazonas, que possui a segunda maior reserva provada de gás natural do Brasil e a maior reserva em terra do País; o funcionamento da cadeia produtiva, desde a produção do GN, passando pela distribuição até o consumidor final; e as características e benefícios do gás natural, entre as quais, a economicidade, o fornecimento contínuo e a vantagem ambiental, por se tratar de combustível menos poluente.

Outro assunto exposto foi a apresentação das ações estratégicas executadas pela Companhia ao longo dos seus 10 anos de operação comercial, que resultaram no alcance de mais de 7,3 mil unidades consumidoras e o alcance de uma Rede de Distribuição de Gás Natural (RDGN) de 175 quilômetros.

FOTOS: Divulgação/Detran-AM

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.