Últimas

Dupla que matou mulher após sequestro em quitinete é presa em Manaus

Manaus – Dois suspeitos de executarem a jovem identificada como Andreza Santos da Silva, de 20 anos, foram presos na última sexta-feira (8). O crime ocorreu dia 24 de setembro, no bairro Monte das Oliveiras, zona Norte de Manaus.



A polícia encontrou os suspeitos após denúncias anônimas. O primeiro suspeito, vulgo ‘’Preto’’, foi localizado e negou envolvimento no homicídio da jovem, mas confirmou que estava guardando armas em casa, onde foi encontrada uma submetralhadora calibre 45.

Após a apreensão da arma, o suspeito entregou o nome de outro possível envolvido no crime, o ‘’Pico’’, que foi preso e apontado como o autor do crime.

Na casa de Pico, a polícia encontrou armas, munições e drogas. Ao todo, foram apreendidas três pistolas, dois revólveres, uma quantia de porções de maconha, cocaína, um rádio comunicador e uma balança de precisão. Além dos dois suspeitos, também foram presos mais nove pessoas que serão interrogadas pela polícia.

Os suspeitos foram localizados no bairro Jorge Teixeira, zona Leste da capital.

O crime

Andreza Santos da Silva, de 20 anos, foi assassinada a tiros após ter sido sequestrada de dentro de um quitinete junto com mais uma mulher grávida e uma criança.

Criminosos chegaram até o local em um Chevrolet, modelo Ônix, cor prata, e invadiram o quitinete para executar dois homens, identificados como Vitor Patrick, de 21 anos, e Thiago da Costa, de 17.

Após o crime, os suspeitos sequestraram Andreza e a filha, e mais uma mulher grávida que estava no local, namorada de Thiago.

O veículo dos criminosos parou na rua 50, do bairro Novo Aleixo, onde os suspeitos obrigaram Andreza a descer do carro e correr. Eles dispararam cerca de 15 tiros contra ela, que estava de mão amarradas.

A outra mulher grávida e mais a filha pequena de Andreza, foram liberadas pelos suspeitos e tiveram suas vidas poupadas. 


FONTE: PORTAL CM7 

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.