Últimas

Etapa urbana da 15ª Semana do Controle Social da Saúde em Manaus é encerrada com tema sobre a pandemia

A etapa urbana da 15ª Semana do Controle Social da Saúde em Manaus, iniciada no dia 27/9, foi encerrada nesta sexta-feira, 1º/10, no Distrito de Saúde (Disa) Leste, abordando o tema "O Controle Social na Pandemia".

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

A programação, coordenada pelo Conselho Municipal de Saúde (CMS/Manaus) e Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), aconteceu no auditório do Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti) Elisa Bessa Freire, no bairro Jorge Teixeira.

O evento reuniu conselheiros municipais e locais de saúde, representantes dos segmentos de gestores, trabalhadores e usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), que atuam nos serviços da zona Leste de Manaus.

Atualmente, o Disa Leste conta com 20 Conselhos Locais de Saúde (CLSs), que atuam vinculados a uma unidade de saúde e, assim como o CMS/Manaus, têm uma composição formada por representantes de gestores (25%), de trabalhadores (25%) e de usuários (50%).

De acordo com o conselheiro Elson Moreira de Melo, representante dos usuários da zona Leste no CMS/Manaus, a programação da Semana do Controle Social foi organizada como forma de destacar a atuação dos conselheiros municipais e locais enquanto agentes fiscalização e colaboração na gestão da Saúde, com foco no trabalho desenvolvido durante a pandemia da Covid-19.

“Na etapa da zona Leste, encerramos com chave de ouro um grande ciclo de debate em relação ao controle social no contexto da pandemia, com trocas de experiências. A atuação dos conselheiros locais na pandemia da Covid-19 tem sido muito efetiva, com a colaboração na divulgação das ações junto às comunidades, e até mesmo ajudando a organizar as filas nos postos de vacina. É um trabalho de gestão compartilhada com o objetivo final de buscar avanços para a melhoria da qualidade do atendimento em saúde”, afirmou Elson Melo.

Painel

Durante a programação no Disa Leste, houve um painel de discussão com os temas “Importância do Controle Social em Tempos de Pandemia” e “Atuação do Conselho Municipal de Saúde no Contexto da Pandemia”.

Um dos palestrantes do evento, Júlio Schweickardt, doutor em História das Ciências, destacou a importância do controle social na defesa do SUS para garantir o direito à saúde.

“Primeiro acho que o mais importante é declarar apoio ao SUS, o que é fundamental com todos os ataques que o SUS enfrenta. E acho que controle social tem significado resistência, quando é preciso garantir o direito à saúde, à vacinação e proteção social, para ter um SUS forte e, assim, enfrentar a pandemia de um modo mais eficaz”, explicou Júlio Schweickardt.

Para a gerente do Disa Leste, enfermeira Rosângela Castro, o controle social, efetivado pelos conselheiros municipais e locais de saúde, tem representado uma parceria importante na gestão dos serviços de saúde.

“Essa parceria foi muito gratificante na pandemia, porque os conselheiros e as lideranças comunitárias são parceiros nas ações desenvolvidas nas unidades de saúde. Eles estão sempre dentro dessas unidades, participam das reuniões e são multiplicadores de informações na comunidade. Como sabem de todas as ações e sobre as mudanças nos serviços, repassam orientações corretas, ajudando a gestão e os trabalhadores na execução, o que tem impacto no controle de doenças”, afirmou Rosângela Castro, lembrando que o Disa Leste promove reuniões mensais com os conselheiros locais de saúde.

O conselheiro e subsecretário de Gestão da Saúde da Semsa, médico Djalma Coelho, também reforçou a importância do envolvimento dos gestores, trabalhadores e usuários na resolução das questões de saúde.

“O controle social acontece todos os dias nos serviços de saúde a partir da tríade formada por gestores, servidores e usuários, que têm uma importância imensa na resolução de questões de processo de trabalho, insumos e em tudo o que o SUS precisa para funcionar. Essa tríade reforça e fortalece o SUS como um todo, e o controle social é essencial para isso porque traz um olhar diferente do da gestão, enriquecendo as discussões e a tomada de decisão nos serviços de saúde”, afirmou o subsecretário.

Programação

A programação da 15ª Semana do Controle Social foi iniciada na última segunda-feira, 27/9, com atividades em cada um dos quatro Distritos de Saúde da área urbana de Manaus (Norte, Sul, Oeste e Leste).

A cada dia de programação, foram discutidos temas como “Desafios do Controle Social em Saúde Frente à Pandemia de Covid-19”, “Impactos Epidemiológicos da Covid-19 ao SUS”, “Experiências Positivas durante a Pandemia de Covid-19”, “Experiências em Atenção Primária à Saúde (APS) na pandemia de Covid-19” e “Direito à Saúde em Tempos de Pandemia”.

O presidente do CMS/Manaus, conselheiro Jorge Carneiro, explica que o evento é organizado anualmente como forma de divulgar o trabalho dos conselheiros no controle social do SUS em Manaus e para comemorar o aniversário do órgão, que completou 30 anos de existência no dia 11 de junho deste ano.

“Considero que a programação foi um sucesso total, com a mobilização de conselheiros das zonas Norte, Sul, Leste e Oeste, para a conscientização em relação à participação social no contexto da pandemia. Houve a apresentação de experiências exitosas relatadas por conselheiros e por trabalhadores, com o envolvimento da participação social na mobilização para a vacinação e mesmo para a atenção ao paciente. São experiências valiosas e que vão servir de exemplo para outros conselheiros, cumprindo justamente o papel da Semana de Controle Social como um evento de multiplicação de ideias e de resultados positivos na área da saúde”, destacou Jorge Carneiro.

Para finalizar a programação, o CMS/Manaus e a Semsa irão promover, no próximo dia 8, atividade direcionada para o Distrito de Saúde Rural, na quadra da Escola Municipal Abílio Alencar, Km 35 da Rodovia AM-010 (Manaus-Itacoatiara), com painel abordando os temas “Atuação do Conselho Municipal de Saúde no Contexto da Pandemia”, “Estratégias de Êxito para a Saúde do Idoso na Pandemia” e “Controle Social na Pandemia - Panorama do Disa Rural”.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.