Últimas

Governo do Amazonas lança operação Arena 33 para jogo entre Brasil e Uruguai

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) lança, nesta sexta-feira (08/10), a operação Arena 33, com todo o esquema de segurança e trânsito montado para atender as necessidades de antes, durante e depois do jogo entre Brasil e Uruguai, que acontece no dia 14 de outubro, na Arena da Amazônia, válido pela 12ª rodada das eliminatórias da Copa do Mundo FIFA Catar 2022.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Já nesta sexta-feira, o Sistema Integrado de Comando e Controle (SICC) começa a funcionar com 1.500 agentes de órgãos de segurança estaduais, municipais e federais, em sobreaviso, para possíveis ocorrências. A partir da próxima segunda-feira (11/10), com a chegada das delegações na capital, o SICC começa a funcionar de maneira presencial.

"A nossa preocupação não será só na área do estádio, nós teremos também em toda a capital. Para que nenhum ponto fique desguarnecido com relação ao jogo. A gente sabe que as atenções estarão voltadas para o jogo, para a partida, mas nós não iremos tirar a nossa atenção de outras áreas da nossa capital", enfatizou o secretário de Segurança Pública, general Mansur.

O SICC vai contar com algumas centrais para realizar melhor e mais rápido o monitoramento. Entre estas, a Central Integrada de Pronta Resposta, com base dentro da Arena da Amazônia e no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), no Aleixo, com agentes de unidades de operações especiais da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) e da Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), aptos a atender ocorrências de grande vulto. A Central Integrada de Escolta, coordenada por agentes da Polícia Rodoviária Federal, que também vai contar com agentes do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), da PMAM e da Guarda Municipal, ficará responsável por manter a ordem nos deslocamentos das delegações e arbitragens.

A Central Integrada de Inteligência, coordenada pela Secretaria Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai), com o auxílio do Exército Brasileiro e do Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública – Regional Norte, vai acompanhar toda a operação para identificar possíveis ameaças e acionar as tropas, se necessário.

Coordenada pelo Grupo de Manejo de Artefatos Explosivos (MARTE), a Central Integrada de Varreduras é a responsável por vistoriar os veículos e hotéis onde ficarão hospedadas as seleções, além de vistorias na Arena da Amazônia.

O policiamento no perímetro externo da Arena da Amazônia também terá uma atenção especial, tendo o policiamento intensificado nessas áreas, com o objetivo de combater pequenos possíveis roubos e furtos. Todo o monitoramento de segurança montado para o evento esportivo só será desmembrado na próxima sexta-feira (15/10).

Monitoramento - Seis câmeras de monitoramento no entorno, que dão visibilidade em todo o perímetro externo, além das câmeras que ficam dentro da arena, serão integradas e monitoradas pela base do Centro Integrado de Comando e Controle Local (CICC-L), que está montado na Arena da Amazônia.

A Plataforma de Observação Elevada (POE) da Secretaria Executiva-Adjunta de Planejamento e Gestão Integrada de Segurança Pública (Seagi), da SSP-AM, ficará próximo às duas entradas principais, de acesso pela avenida Constantino Nery.

Polícia Civil - As ocorrências de delitos que surgirem na área externa da arena serão encaminhadas ao 1° Distrito Integrado de Polícia (DIP), que será base principal de atendimento, bem como ao 19° DIP e Delegacia Especializada em Atos Infracionais (Deaai), que serão as duas bases de apoio. As unidades policiais, que já funcionam 24h, como centrais de flagrantes, irão receber reforço policial durante o evento.

Flagrantes que possam vir a ocorrer na parte interna do local do jogo serão de responsabilidade da Delegacia de Apoio a Grandes Eventos (Dage), que será instalada nas dependências da Arena.

Polícia Militar - Antes, durante e após o evento, a Polícia Militar do Amazonas vai estar presente em pontos estratégicos, visando maior segurança a todos os participantes do evento esportivo como locais de triagem, paradas de ônibus, estacionamentos, hotéis das delegações e Centros de Treinamentos, além de cruzamentos e corredores de acesso à arena.

Serão 400 policiais de Companhias Interativas Comunitárias (Cicoms), Polícia Turística do Amazonas (Politur), Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães). Serão empregadas viaturas de Cicoms, da Força Tática e das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam), além de motos da Rocam Motos e do Batalhão de Trânsito (BPTran) empregados na ação, além do policiamento montado, com o efetivo do Regimento de Policiamento Montado (RPMON).

Corpo de Bombeiros - Para compor o trem de socorro, o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) vai empregar cinco viaturas, dentre elas uma auto bomba tanque (ABT) para combate incêndios e salvamentos, unidade de resgate (UR) para atendimento pré-hospitalar e auto rápido (AR) para coordenação da operação.

O CBMAM destaca ainda que contará com uma equipe no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) para o atendimento e registro de ocorrências que será coordenada por um oficial superior bombeiro militar designado para o serviço de Superior de Dia, no dia 14/10.

Nos demais postos da capital, a corporação estará em prontidão redobrando a atenção quanto aos atendimentos durante o período do jogo e atendendo emergências via 193.

Trânsito - O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) vai realizar mudanças no trânsito para o jogo do Brasil x Uruguai e contará com um efetivo de 30 agentes do Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot), trabalhando de maneira integrada com o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) nas questões relacionadas ao fluxo das vias. O Detran-AM usará todas as plataformas para a interdição das vias aos arredores do estádio.

O acesso dos agentes só será em torno do estádio, na parte externa da Arena. Na avenida Constantino Nery só será permitido o tráfego de ônibus. As vias só serão liberadas após a dispersão do público no final do evento esportivo.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.