Últimas

Imunossuprimidos: entenda mais sobre um dos grupos prioritários na vacinação contra Covid-19

Desde o início da campanha de vacinação, os imunossuprimidos fazem parte da lista de grupos prioritários para receber as doses de vacina contra a Covid-19. Também para a aplicação da dose de reforço, a categoria está entre as primeiras convocadas, conforme o que preconiza o Ministério da Saúde. Mas você sabe quem são as pessoas que fazem parte deste grupo?

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Pessoas com imunossupressão têm o sistema imunológico mais debilitado e se tornam mais vulneráveis ao agravamento da doença. Entre os exemplos de patologias que enfraquecem a imunidade estão lúpus, HIV, artrite reumatoide, doenças inflamatórias intestinais, entre outras.

“Nós temos o sistema imunológico, que é o sistema que protege o nosso corpo contra infecções. Os imunizantes estimulam o nosso corpo a produzir esses anticorpos específicos que vão nos defender de infecções. Os imunossuprimidos são pessoas que têm defeitos no sistema imunológico, tornando-as mais fracas para a infecção. Portanto, se existem pessoas que necessitam da terceira dose, os trabalhos já mostram que, sem dúvida alguma, os idosos, profissionais de saúde precisam, imagine, então os imunossuprimidos”, alertou o secretário de Saúde, Anoar Samad.

“Você que tem qualquer doença que seu sistema imunológico esteja fraco, você deve procurar imediatamente, para tomar a sua dose de reforço. Vocês são grupo de risco para a Covid-19, como para outras infecções, então procurem imediatamente fazer a sua dose de reforço”, acrescentou o titular da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM).

A coordenadora do posto montado no Centro de Convivência da Família (CCF) Magdalena Arce Daou, Fabiana Maciel, ressalta que é necessário apresentar comprovação para receber a vacina.

“A pessoa que tem doença autoimune, que tem laudo do médico, precisa trazer esse laudo, é muito importante chegar com laudo, classificando essa pessoa como alguém com esse tipo de doença. Aos portadores de HIV, por exemplo; pessoas com doenças crônicas, cheguem, estamos esperando você. É muito importante que você se vacine, nossa equipe está de braços abertos, esperando por cada um”, disse Fabiana.

Proteção reforçada – Um dos vacinados com a dose de reforço nesta sexta-feira, durante a 21ª edição do mutirão Vacina Amazonas, foi o advogado Alberto Dantas.

“No meu caso, eu tomo um medicamento a cada 21 dias. Tenho artrite, que é uma doença autoimune, ou seja, por si só o corpo vai se degenerando e, por causa disso, a cada 21 dias eu tomo uma injeção que ajuda a conter o movimento da doença. Acho que temos que ser todos gratos a esse esforço que o Governo está fazendo. Infelizmente, nem todos tiveram essa mesma chance”, observou Alberto.

A diretora-presidente da Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), Tatyana Amorim, destaca o intervalo necessário para que os imunossuprimidos recebem a terceira dose.

“Os imunossuprimidos, é importante ressaltar que são aqueles acima de 18 anos para fazer a dose de reforço, e o intervalo é de 28 dias da segunda dose. É diferente de idosos e trabalhadores de saúde, porque muitos imunossuprimidos têm que fazer dose de reforço com 28 dias da segunda dose, independente da vacina que tomou”, explicou Tatyana.

Vacina Amazonas – O Governo do Amazonas realiza, em parceria com a Prefeitura de Manaus, um novo mutirão Vacina Amazonas nesta sexta-feira (1º/10) e no sábado (02/10). Em sua 21ª edição, o mutirão tem como principal objetivo aplicar doses de reforço da vacina contra a Covid-19 em profissionais de saúde a partir de 50 anos e pessoas a partir de 60 anos, que tomaram a segunda dose há mais de seis meses (ou até 1º /04), e em imunossuprimidos com 18 anos ou mais.

Também serão disponibilizadas a primeira e a segunda doses para pessoas com 12 anos ou mais. Serão seis pontos estratégicos que funcionarão com horário estendido: das 9h às 21h na sexta-feira e das 9h às 18h no sábado. Os postos das unidades básicas de saúde (UBS), da Prefeitura de Manaus, atenderão no horário das 9h às 16h, nos dois dias de mutirão.

Locais de vacinação – Os pontos estratégicos que funcionarão em horário estendido durante esta nova edição do mutirão são: Centro Estadual de Convivência da Família (CECF) Magdalena Arce Daou (pedestre), Centro de Centro de Convenções Prof. Gilberto Mestrinho – Sambódromo de Manaus (drive-thru), CECF Padre Pedro Vignola (pedestre), Shopping Phelippe Daou (pedestre), Studio 5 Centro de Convenções (pedestre) e Sesi Clube do Trabalhador (pedestre e drive-thru).

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) e da Fundação de Vigilância em Saúde Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), vai coordenar dois pontos estratégicos: o Sambódromo, onde há 26 postos de vacinação, e o CECF Magdalena Arce Daou, com 16 postos. Os demais pontos de vacinação da Prefeitura de Manaus devem ser consultados no site da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa Manaus).

Documentação – Para se vacinar, com segunda dose e dose de reforço, é necessário apresentar documento original com foto, CPF e carteira de vacinação. Para os imunossuprimidos, além dessa documentação, um laudo médico ou outro documento que comprove a condição.

Quem vai receber a primeira dose deve apresentar, obrigatoriamente, um documento oficial com foto com o número do RG, CPF, comprovante de residência (original e cópia) e Cartão de Vacina.

Postos de Vacinação que funcionarão em horário estendido

Dia 1º/10 - Sexta-feira – Das 9h às 21h

Dia 02/10 – Sábado – Das 9h às 18h

• Centro de Convivência da Família Magdalena Arce Daou (pedestre)

Avenida Brasil, s/nº, bairro Santo Antônio, zona oeste de Manaus

• Centro de Convenções Prof. Gilberto Mestrinho – Sambódromo de Manaus

Avenida Pedro Teixeira, 2.595, Dom Pedro, zona centro-oeste de Manaus

• Centro de Convivência da Família Padre Pedro Vignola (pedestre)

Rua Gandu, 119, bairro Cidade Nova, zona norte de Manaus

• Shopping Phelippe Daou (pedestre)

Avenida Camapuã, 2.985, bairro Jorge Teixeira, zona norte de Manaus

• Studio 5 Centro de Convenções (pedestre)

Avenida Rodrigo Otávio, 3.555, Distrito Industrial I, zona sul de Manaus

• Sesi Clube do Trabalhador (pedestre e drive-thru)

Avenida Cosme Ferreira, 7.399, São José, zona leste de Manaus

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.