Últimas

Manaus: Governo do Amazonas lança série de vídeos em homenagem aos 352 anos da cidade

O Governo do Amazonas lançou, nesta quinta-feira (21/10), o primeiro vídeo da série A Manaus que eu vivo. São quatro episódios em homenagem aos 352 anos da capital amazonense. A websérie traz o olhar de gente que vive e transforma a metrópole diariamente, começando com uma merendeira de uma escola e finalizando com um poeta.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Os internautas podem assistir aos vídeos nas redes sociais oficiais do Governo do Estado. O link está no fim deste texto. Com um episódio por dia, a homenagem segue até o próximo domingo, 24 de outubro, dia do aniversário de Manaus.

Estreia – O primeiro episódio da série traz o olhar de Lilmara Arinana, 40, servidora pública estadual que trabalha há oito anos como merendeira na Escola Estadual Profª. Lenina Ferraro da Silva, na zona norte.

Lilmara faz parte dos mais de 6 mil servidores técnicos da Secretaria de Estado de Educação e Desporto que foram contemplados, pela primeira vez na história, com o abono do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) em 2020. Para Lilmara, a Manaus que ela vive deve ser a do reconhecimento dos profissionais de educação.

Episódios - O segundo episódio, que vai ao ar nesta sexta-feira (22/10), apresenta a visão do produtor rural Jamerson Ferreira. Morador de Iranduba, semanalmente vem a Manaus para vender seus produtos na feira da Agência Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS). Para ele, a capital é a terra das oportunidades.

O terceiro episódio conta com o escritor e produtor cultural Rojefferson Moares. Descendente de indígenas da etnia Mura, trabalhou em indústria, foi professor em escolas no interior e fundou, em 2020, o Coletivo Soul do Monte, uma iniciativa comunitária no bairro Monte das Oliveiras.

Poesia - Manaus é pura arte, e nada melhor que homenageá-la em verso e prosa. O quarto e último episódio da websérie traz um poema inédito do músico e poeta amazonense, Celdo Braga. Intitulado “A Manaus que eu vivo”, o poema destaca a diversidade cultural da capital.

Compartilhe - A série completa estará disponível no perfil oficial do Governo do Estado nas redes sociais:

No Instagram: @governo_do_amazonas

No Facebook: @GovernodoAmazonas

Twitter, o @AmazonasGoverno.

No YouTube, no perfil do Governo do Estado do Amazonas.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.