Últimas

PC-AM prende homem por descumprimento de medidas protetivas e lesão corporal contra a ex-companheira

Nesta segunda-feira (18/10), por volta das 9h30, a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM) centro-sul, cumpriu mandado de prisão preventiva em nome de um homem de 22 anos, pelos crimes de descumprimento de medidas protetivas e lesão corporal, cometidos no âmbito da violência doméstica, contra a ex-companheira, uma jovem de 19 anos. A prisão ocorreu na rua Miratinga, bairro Jorge Teixeira, zona leste de Manaus.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

De acordo com a delegada Débora Mafra, titular da DECCM centro-sul, o crime ocorreu no dia 19 de agosto deste ano, no mesmo bairro onde ocorreu a prisão. Segundo a autoridade policial, o infrator e a vítima tiveram um relacionamento de cerca de cinco anos, e têm uma filha juntos, porém estavam separados desde o mês em que as agressões ocorreram.

“No dia do fato, a jovem estava nas proximidades de sua casa, quando se deparou com o indivíduo, que informou que havia ido visitar a filha. O homem, que estava em um carro, queria que a vítima entrasse no veículo com ele, mas a jovem se recusou, momento em que ele, bastante agressivo, a puxou pelos braços e começou a enforcá-la, deixando marcas em seu pescoço”, explicou a delegada.

Conforme Débora, a vítima ainda tentou entrar em sua casa, mas o homem a impediu. Após ela conseguir se livrar, o indivíduo tentou passar com o carro por cima dela. “Posteriormente, ela se abrigou na casa de sua avó, mas o indivíduo proferiu ameaças a ela, e fugiu do local. Imediatamente a vítima procurou à delegacia e formalizou à denúncia”, relatou.

Ordem judicial – Diante dos fatos, foi solicitada à Justiça pelo mandado de prisão preventiva em nome do homem, e a ordem judicial foi expedida no dia 13 de setembro deste ano, pelo juiz André Luiz Nogueira Borges de Campos, da Central de Inquéritos Policiais.

Procedimentos – O homem responderá pelos crimes de descumprimento de medidas protetivas, lesão corporal, além de perseguição e ameaça. Ele será encaminhado à audiência de custódia, na Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição da Justiça.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.