Últimas

Sepror realiza curso de Agricultura Indígena na aldeia Umariaçu, em Tabatinga

A Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror) realizou, de terça-feira (28/09) a quarta (30/09), o Curso de Agricultura Indígena, com foco no acesso às políticas públicas de comercialização, para uma turma de 30 alunos, todos indígenas da etnia Ticuna, no município de Tabatinga (distante 1.108 quilômetros de Manaus). A atividade integrou as ações do projeto Formação Inicial Continuada Rural (FIC Rural).

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

Com duração de três dias e oito horas-aula diárias, o curso aconteceu na Aldeia Umariaçu, no centro comunitário, ministrado pelo especialista em Políticas Públicas Lázaro Reis, do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), com apoio dos técnicos Eduardo Rizzo e Carla Coelho, da Sepror.

No curso foram apresentados e discutidos os seguintes temas: Política Nacional da Agricultura Familiar, Programa Alimenta Brasil (PAB), Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) Cartão do Produtor Primário (CPP), Programa de Regionalização da Merenda Escolar (Preme), Organismo de Controle Social (OCS) para comercialização de produtos orgânicos, e as principais chamadas públicas voltadas à agricultura familiar.

Participam também do projeto FIC Rural a Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf), a Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS) e o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam).

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.