Últimas

Wilson Lima destaca tranquilidade e segurança no reencontro do Manaus FC com torcedores

O governador Wilson Lima ressaltou que o reencontro do Manaus FC com seus torcedores neste domingo (17/10), na Arena da Amazônia, se deu de forma segura. A partida contra o Ypiranga (RS) foi a primeira em que o clube amazonense jogou com a presença de público desde o início da pandemia de Covid-19. Com empate de 1x1, o jogo foi válido pela terceira rodada do quadrangular da Série C e contou com quase 13 mil torcedores pagantes.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

“Está mais tranquilo que no jogo da seleção brasileira. Isso porque a gente já trouxe todo aprendizado que nós tivemos naquele jogo contra a seleção do Uruguai. Sem maiores intercorrências, sem maiores problemas. Tudo dentro do previsto. Quem veio para cá, chegou com segurança e a gente está trabalhando para garantir a questão da segurança sanitária”, disse o governador. A partida entre o Manaus FC e o Ypiranga é realizada três dias após a seleção brasileira ganhar com o placar de 4x1 contra o Uruguai na Arena da Amazônia, jogo pelas Eliminatórias da Copa da Fifa Catar 2022 e com a presença de público.

O Governo do Amazonas isentou o Manaus das taxas obrigatórias pelo uso da Arena para incentivar a presença de público no jogo. Os ingressos esgotaram. O Estado liberou o público de 14 mil pessoas, entre pagantes e convidados. O acesso ao estádio foi liberado apenas para quem está com a imunização contra a Covid-19 completa (duas doses ou dose única).

Quem tomou a segunda dose a partir do dia 1º de outubro (15 dias antes da partida) também precisou ser submetido a testes de detecção do coronavírus, independente de ser torcedor ou trabalhador. Além da carteira de vacinação, foi necessário apresentar documento oficial com foto. Os torcedores foram orientados a manter o distanciamento social.

“Eu acho muito importante, tendo em vista que a gente acompanha o Manaus desde quando foi fundado, e agora está a poucos jogos de conseguir o acesso para a Série B, com público liberado, com todos os protocolos de segurança, a gente teve que estar com máscara, público reduzido. Eu só quero que todos os torcedores se cuidem e continuem se prevenindo, para que cada vez possam liberar mais e mais público nos jogos”, disse Hiago Dias, torcedor do Manaus.

Organização - Toda operação para realização do jogo é de responsabilidade do Manaus Futebol Clube, incluindo a segurança no interior do estádio. Mais de 730 servidores, estaduais e municipais, deram apoio para realização da partida.

Do Estado, são quase 550 são servidores estaduais da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) e Fundação Amazonenses de Alto Rendimento (Faar).

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.