Últimas

Corpo técnico da Ageman recebe projetos do Prosamim+ que serão implementados em Manaus

O corpo técnico da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman), recebeu, na manhã desta quarta-feira, 24/11, os projetos que serão implementados na cidade de Manaus pelo governo do Amazonas, por meio da nova edição do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus, intitulado Prosamim+, avaliado em R$ 542 milhões.


A entrega foi feita pelo coordenador executivo da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), engenheiro Marcellus Campelo, ao diretor-presidente da Ageman, Fábio Alho, o qual fez questão de destacar o trabalho assertivo na implementação das três primeiras fases do Prosamim, e a iniciativa do governo de continuar somando esforços com a Prefeitura de Manaus em prol da melhoria do saneamento básico da capital.

Além da Ageman, o Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb) e as Secretarias Municipais do Meio Ambiente (Semmas), de Infraestrutura (Seminf), de Limpeza Urbana (Semulsp) e o prefeito David Almeida, também receberam os projetos do Prosamim+.

“É com muita alegria que recebemos esses projetos, que vão assegurar a continuidade de um programa, que tem proporcionado mais saúde e cidadania aos nossos munícipes. A Ageman vai continuar acompanhando e apoiando tecnicamente essa nova empreitada do Prosamim, que vai alcançar áreas significativas em Manaus, como a zona Leste”, disse Fábio.

Na cidade de Manaus, o Prosamim+ vai implantar 48 quilômetros de rede de esgotamento sanitário, beneficiando a zona Centro-Sul e o Distrito Industrial. A iniciativa contempla ainda uma Estação de Tratamento de Esgoto no bairro Raiz e outras seis Estações Elevatórias de Esgoto. A medida visa beneficiar mais de 50 mil pessoas com esgotamento sanitário.

No âmbito do abastecimento de água, a rede deverá ser ampliada em mais de 8 mil metros, levando água tratada para mais de mil famílias. O sistema de drenagem urbana receberá 34 quilômetros de novas redes.

Os investimentos também contemplam as áreas de urbanismo e habitação com a construção de 648 imóveis, que beneficiarão 3.240 pessoas, além de indenizar 2.580 famílias com bônus moradia ou auxílio moradia, além da requalificação urbanística de 324 mil metros quadrados.

“O Prosamim é um programa de múltiplas entregas e que tem relação com vários órgãos da Prefeitura de Manaus, por isso estamos entregando todos os projetos às secretarias envolvidas, para que possamos assegurar a sustentabilidade naquilo que será construído pelo governo do Estado para a cidade de Manaus”, afirmou Marcellus Campelo.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.