Últimas

Moradores do Manauara 2 participam de reuniões do Plano de Trabalho Social oferecido pela Prefeitura de Manaus

Dando continuidade ao Plano de Trabalho Social (PTS), os novos moradores do residencial Cidadão Manauara 2, etapa B, estão participando de atividades e reuniões iniciadas nesta quinta-feira, 18/11, que seguem nesta sexta, 19/11, e nos dias 24, 25 e 26 deste mês, envolvendo todos os residentes, divididos em grupos.


Na pauta das ações desenvolvidas pela Prefeitura de Manaus, via Vice-presidência de Habitação e Assuntos Fundiários (Vpreshaf) e do Grupo Institucional do Poder Público (GIPP), os beneficiários participam de encontro com temas que incluem criação de governança local e liderança comunitária, associação de moradores e desenvolvimento local sustentável.

O residencial começou a ser ocupado após a entrega do programa habitacional da Prefeitura de Manaus, inaugurado pelo prefeito David Almeida e pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, em agosto deste ano.

A assessoria técnica da Vpreshaf promove, junto aos beneficiários, com suporte de uma empresa licitada para a execução do PTS, uma série de palestras, reuniões e encontros com assuntos que vão desde seus direitos e deveres como usuários do sistema habitacional, até informações sobre tarifas sociais, cadastros em programas sociais, organização comunitária e planejamento do orçamento familiar, racionalização de gastos com a nova moradia, capacitações para compor a gestão condominial, entre outros.

As capacitações são oferecidas gratuitamente e fazem parte do plano de trabalho social do programa da Prefeitura de Manaus.

Os mutuários recebem informações sobre segurança e prevenção de acidentes domésticos, acesso a tarifas sociais e para microcrédito produtivo e encontros sobre funcionamento dos espaços comuns, ressaltando normas de convivência e boas condutas, além de temas relacionados à higiene, saúde e doenças.

Mais moradias

O prefeito David Almeida tem uma meta de construção de 5 mil unidades habitacionais de interesse social em diversos bairros da capital. Além da construção das unidades e do loteamento de terrenos, a gestão está trabalhando fortemente na regularização fundiária em bairros e ocupações consolidadas.

“O prefeito tem a meta de construir 5 mil unidades habitacionais de interesse social e atuar intensamente na regularização fundiária, dando à população beneficiada a segurança jurídica para seus patrimônios. O Implurb está atendendo o plano do prefeito e atuando com segmentos privados e entidades da sociedade civil organizada”, explica o diretor-presidente do Implurb, engenheiro Carlos Valente.

O programa da Prefeitura de Manaus para habitação é o “Casa para Todos”, que prevê a construção de novos conjuntos habitacionais, além da oferta de lotes pequenos e urbanizados.

Os moradores dos conjuntos residenciais Manauara são isentos de pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) por lei municipal, além do Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI).

Existe um Plano Social de Trabalho, contratado e licitado, para dar o suporte necessário às famílias neste novo caminho para suas vidas. A preocupação do prefeito David Almeida é entregar habitação de qualidade, dando dignidade, mas também garantindo apoio em várias áreas e com participação da estrutura da prefeitura aos novos beneficiários”, afirmou o vice-presidente de Habitação, Renato Queiroz.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.