Últimas

“Se Eduardo Braga fosse um vírus seria o Covid-19”, diz José Melo ao detonar senador


O ex-governador do Amazonas, José Melo, cassado por compra de votos no estado e antigo aliado de caciques políticos como Eduardo Braga (MDB-AM) e Amazonino Mendes (União Brasil), deu uma entrevista ao programa ‘Manhã de Notícias’, nesta segunda-feira (8), em Manaus, onde falou sobre sua relação com o senador atualmente.

Foto: Victória Cavalcante/Montagem/Portal Mix de Notícias

Apesar de parecer inofensiva, a entrevista teve um certo tom de intimidade entre o jornalista Ronaldo Tiradentes e o ex-governador, que afirmou que foi solto porque Tiradentes teria pagado um advogado, que trabalhou pela sua liberdade, que teria custado algo em torno de R$ 200 mil, e o chamou de amigo em diversas vezes. Mas esse não é o ponto.

Ao ser questionado sobre as supostas interferências políticas que sofreu no passado, Melo afirmou que foi traído por Eduardo Braga. “Se Eduardo Braga fosse um vírus seria o Covid-19”, afirmou o ex-governador ao declarar que foi perseguido pelo ex-aliado, em todos os ministérios, o impedindo de governar o Amazonas.

Além disso, Melo disse que se considera uma vítima de Braga, “fui vítima de uma pessoa que eu confiava e que o povo do Amazonas confiava, e espero que não confie mais”, pontuou.

Falando sobre a retomada política, José Melo afirmou que continuará no Partido Republicano da Ordem Social (Pros), e que está trabalhando em uma pré-candidatura para deputado estadual nas eleições de 2022, para defender a matriz econômica ambiental.

O ex-governador José Melo foi preso em 2017 pela Polícia Federal e teve seu mandato cassado pelo TSE suspeito de comprar votos nas eleições de 2014. A prisão de Melo fez parte da operação Estado de Emergência, 3° fase da Operação Maus Caminhos que investigou desvios de agentes públicos no Amazonas.

Melo e sua esposa Edilene Oliveira foram presos acusados de ameaçar testemunhas da Operação Custo Político e também de obstruir provas. Mas deixaram a prisão em 2018, após pagarem fiança no valor de R$ 381,6 mil e passarem a fazer uso de tornozeleira eletrônica. Essa foi a primeira entrevista que o ex-governador deu desde que foi cassado, e liberto da prisão.

Essa foi a primeira entrevista que o ex-governador deu desde que foi cassado, e liberto da prisão.

https://www.mixdenoticias.com/2021/11/se-eduardo-braga-fosse-um-virus-seria-o.html?

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.