Últimas

Governo do Amazonas capacitou mais de 950 produtores rurais em 2021

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), promoveu em 2021 a capacitação de aproximadamente 950 pessoas entre produtores rurais, empresários, feirantes, dentre outros, em 27 municípios do estado e na capital. O número foi registrado na conclusão de mais um calendário anual de cursos de capacitação, programados e executados por meio do Departamento Pedagógico (Depe) da Sepror.


Os cursos fazem parte da programação anual da Sepror, que tem como missão oferecer serviços de excelência educacional no exercício da promoção de políticas públicas para o desenvolvimento do interior do Amazonas. Os cursos foram oferecidos na modalidade presencial, com carga horária mínima de 24 horas.

Além dos cursos previstos no cronograma, a Sepror também participou de eventos como a 5ª Feira de Agronegócios da Universidade Nilton Lins, onde promoveu sete cursos de capacitação para produtores do Puraquequara, na zona leste de Manaus; e a Exposição Agropecuária de Parintins (Expopin), com uma série de cursos de capacitação destinados aos produtores rurais locais.

A secretaria também marcou presença na 43ª Expoagro, realizada de 9 a 12 de dezembro, tendo promovido 21 cursos, dentre eles de beneficiamento de pescado como: “Alevinagem como Alternativa de Negócio”, “Construções Aquícolas”, “Análise Econômica da Piscicultura” e “Curso de Retirada de Espinhas de Peixes”. As capacitações qualificaram empresários, feirantes e produtores inscritos.

Cursos – O curso de Horta Caseira teve como objetivo transmitir técnicas de preparo do solo, plantio e transplantio, adubação, colheita e lavagem e foi dividido em duas etapas, oportunizando aos alunos o aprendizado de como semear, do preparo do solo e da importância econômica da atividade, além do acompanhamento da plantação.

O curso de Caseiro Rural tem 24 horas/aula teóricas e práticas, sendo oito horas por dia. Foram atendidas com a formação 190 pessoas, que receberam orientações sobre acompanhamento de plantio até a colheita e pós-colheita, controle de pragas e doenças, cuidados com o bem-estar dos animais nas propriedades rurais.

Os participantes aprendem ainda a fazer pequenas manutenções elétricas e hidráulicas e passam a ter noções de segurança e conhecimento sobre questões envolvendo a saúde no trabalho, direitos e deveres e primeiros socorros.

FIC Rural – Aproximadamente 705 produtores rurais foram atendidos pelo programa de Formação Inicial Continuada (FIC Rural), que tem como objetivo levar ao homem do campo conhecimentos e formação técnica, para que possam desenvolver suas atividades com mais eficácia e confiança.

A iniciativa abrange cursos pluralizados nas mais distantes áreas e comunidades rurais do Amazonas, tais como: “Boas Práticas de Manejo e Gestão na Piscicultura”, “Beneficiamento de Pescado”, “Produção de Mudas da Castanha do Brasil”, “Fortalecimento da Cadeia Produtiva da Avicultura”, entre outros.

Os municípios atendidos foram Apuí, Autazes, Boa Vista Do Ramos, Boca do Acre, Canutama, Carauari, Careiro Castanho, Careiro da Várzea, Coari, Humaitá, Iranduba, Itacoatiara, Lábrea, Manacapuru, Manaus, Manaquiri, Manicoré, Maués, Novo Airão, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, São Gabriel da Cachoeira, Tabatinga, Tefé e Urucará.

FOTOS: Divulgação/Sepror

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.