Últimas

Governo do Amazonas certifica alunos da Escola Agrotécnica Rainha dos Apóstolos

Alunos da Escola Agrícolas Rainha dos Apóstolos, localizada no quilômetro 23 da BR-174, receberam, nesta sexta-feira (10/12), os certificados de conclusão dos cursos técnicos ofertados pela Agência de Desenvolvimento Humano do Amazonas (ADS). Ao todo, mais de 40 alunos participaram dos cursos teóricos de cultivo e comercialização do milho verde, melancia, calagem e adubação. A próxima etapa será a realização da prática.


Os cursos foram ministrados pelo engenheiro agrônomo da ADS, Haroldo Cunha. Durante o encerramento das atividades, hoje, o engenheiro de pesca e chefe do departamento de Negócios Agropecuários e Pesqueiros da ADS, Edson Luniere, ex-aluno da escola agrícola, compartilhou sua experiência com os alunos e reafirmou o compromisso de novos cursos para o ano de 2022.

“Eu fui aluno dessa escola e eu sempre fico honrado em poder voltar e contribuir com uma nova geração. Nossa ideia aqui é ir além do universo escolar, é trazer cursos com profissionais especializados na área, que conhecem a realidade e que tem muito a compartilhar para que, esses alunos, possam sair daqui preparados na teoria e dominando a prática, que é o grande diferencial”, explicou Luniere.

O engenheiro agrônomo Haroldo Cunha destacou que esta fase do curso compreendeu a teoria dos cultivos anuais, como milho e melancia. E que em um segundo momento serão ministradas as aulas práticas, dentro do ambiente da escola agrícola.

“Foram dias produtivos onde muitos deles puderam conhecer na teoria o que já convivem no dia a dia, pois muitos são filhos de agricultores, também vem do campo, então, o que aprendem aqui, pode auxiliar inclusive o trabalho de seus familiares e isso é gratificante”, afirmou Cunha.

Taliane Medeiros, aluna do 1º ano do ensino médio, é do município de Rio Preto da Eva e cursa o técnico na escola agrícola. Filha de agricultores, a jovem participou das três atividades ministradas pela ADS e hoje recebeu seus certificados.

“Agradeço a oportunidade de participar desses cursos porque é gratificante para a gente que trabalha com a parte agrícola. São cursos que abrem nossa mente. O que a gente aprendeu aqui é uma oportunidade de levar para casa e apresentar para os nossos pais, como fazer da forma certa, aumentar a produção, aumentando a renda”, compartilhou Taliane.

De acordo com Edson Luniere, novas propostas de cursos já estão sendo analisadas para o próximo período escolar, que serão desenvolvidas em parceria entre a escola agrotécnica e a ADS.

A Escola Agrícola Rainha dos Apóstolos recebe alunos dos municípios do interior do Amazonas no sistema interno. Atualmente, além de Manaus, estudam na escola alunos de Barcelos, Rio Preto da Eva, Manacapuru, Itacoatiara, Barreirinha, Santa Isabel do Rio Negro e Careiro Castanho.

FOTOS: Mônica Figueiredo/ADS

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.