Últimas

Pai do Super Nintendo, Masayuki Uemura morre aos 78 anos

Masayuki Uemura, criador do Super Nintendo, um dos videogames mais clássicos da história, morreu, na última segunda-feira. O engenheiro tinha 78 anos de idade e atuava no Centro de Estudos de Videogames, da Universidade de Ritsumeikan, no Japão. A causa da morte não foi divulgada.

Uemura foi um mago da Nintendo, construindo algumas das criações mais famosas da gigante japonesa. Além do Super Nintendo, ele é o pai do Nintendo Entertainment System (NES) o popular “Nintendinho”. Ele trabalhou na empresa de 1972 a 2004, quando se aposentou. A primeira criação, o NES, nasceu em 1983, mais de dez anos depois de sua entrada na companhia.

A presença do engenheiro foi marcante para a empresa também no desenvolvimento de jogos de sucesso. Como diretor da divisão de software da empresa, o engenheiro esteve diretamente ligado às equipes que criaram os jogos “Super Mario Bros” e “Donkey Kong”.

Nos últimos anos, Uemura se dedicava a dar aulas como professor convidado na Universidade de Ritsumeikan, que divulgou uma nota oficial nesta quinta-feira (8, comunicando a morte do professor.

“O professor Masayuki Uemura, professor visitante da Faculdade de Artes e Ciências da Imagem da Universidade Ritsumeikan, um dos fundadores deste Centro e seu primeiro diretor, faleceu em 6 de dezembro de 2021. Ele tinha 78 anos”, afirmou a Universidade. “Gostaríamos de expressar nossa sincera gratidão não apenas pelo desenvolvimento do Centro de Estudos de Videogames da Universidade Ritsumeikan, mas também por fazer uma grande contribuição para o desenvolvimento da indústria de jogos, lançando uma série de videogames”.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui.