Pai que perdeu filha de 7 anos para a Covid celebra inclusão de crianças na vacinação

 Brasil – O médico de Ribeirão Preto (SP), Rodolfo Aparecido da Silva, pai de Alicia, que morreu aos 7 anos com Covid-19, está feliz e aliviado com a inclusão das crianças de 5 a 11 anos no Plano Nacional de Vacinação pelo Ministério da Saúde.

Além de Alícia, que morreu em janeiro do ano passado, Silva também tem outros dois filhos: uma menina de três anos e um menino de 11, que poderá receber as doses da Pfizer.

“Estamos vibrando aqui. Ele vai fazer 12 anos e estava torcendo para isso. Se Deus quiser, [a vacinação] rapidinho já vai começar. Minha outra filha ainda não entra, mas logo logo, vai entrar”, comemorou.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem