Faar anuncia Ginásio Renné Monteiro e quadra do Solon de Lucena como núcleo do Projeto Esporte e Lazer na Capital

Buscando expandir os trabalhos no esporte, o Governo do Amazonas, por meio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar), anunciou na terça-feira (15/03) a inclusão do Ginásio Poliesportivo Renné Monteiro e da quadra da Escola Estadual Solon de Lucena como um núcleo de atividades esportivas do Projeto Esporte e Lazer na Capital e Interior (Pelci). As matrículas iniciam nesta quarta-feira (16/03).


Neste primeiro momento, o projeto irá tratar os alunos do Solon de Lucena como público-alvo, mas recebendo pessoas de outras localidades que estiverem interessadas em se matricular para praticar uma das modalidades.

“O Governo do Amazonas, por meio da Faar, já lançou o projeto Pelci, o governador Wilson Lima fez um grande evento na Vila Olímpica. Já estamos na Arena Amadeu Teixeira e na Vila Olímpica, e começamos nos bairros Santo Agostinho e Compensa. Agora, estamos lançando aqui no Renné Monteiro, onde o nosso público-alvo são os alunos do Solon de Lucena. Estamos abrindo este polo do Pelci, a princípio, com 240 vagas em várias modalidades”, afirmou Jorge Oliveira, diretor-presidente da Faar.

As 240 vagas, destinadas a jovens de 14 a 17 anos, serão distribuídas nas modalidades de basquete 3x3, basquete, vôlei, handebol e futsal, que serão praticadas no Renné Monteiro, e a quadra do Solon de Lucena receberá as aulas de jiu-jitsu.

A programação de atividades conta com turmas de basquete 3x3, jiu-jitsu e futsal, tendo aulas de segundas e quartas, com o basquete e handebol ficando com as terças e quintas.

“É algo fundamental dentro do contexto educacional, pois o esporte faz toda a diferença na transformação da vida das pessoas. Então, quando nós recebemos esse projeto, somos beneficiados pelo crescimento dos nossos alunos”, declarou Eliabe Vasconcelos, gestor do Solon de Lucena.

Matrículas – As matrículas iniciam nesta quarta-feira (16/03) e, para participar, os alunos interessados devem comparecer nas dependências do ginásio, das 11h15 às 13h e das 17h às 19h, respeitando o horário das aulas, com os seguintes documentos: cópia do RG, cópia do CPF (ambos documentos do aluno e responsável), declaração escolar, 1 foto 3×4 e comprovante de residência.

“Desde pequena eu acho importante o esporte estar inserido na vida das pessoas. Eu sempre quis ir para a Vila Olímpica e ter a oportunidade de ganhar medalhas, como a minha tia, que já participou de corridas. Então, o governo trazer esporte aos adolescentes é importante para que o jovem possa ter oportunidade em sua vida”, afirmou a aluna Vitória Mayara Praciano.

Núcleos – Além do Ginásio Renné Monteiro, o Pelci conta com mais quatro núcleos ativos na capital, que são a Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira, CDC da Compensa, Campo do Prosamim no Santo Agostinho e a Vila Olímpica de Manaus, todos com atividades esportivas gratuitas.

FOTOS: Mauro Neto/Faar

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem