GRELHOU EM MANAUS! Saiba quem é Tiaggo Lima, o Imperador do Norte que anima as coletivas de imprensa da prefeitura de Manaus e Semulsp

DA REDAÇÃO BLITZ AMAZÔNICO

Você manauara saberia dizer quem é Elielson Lima de Paula? Mas se eu perguntasse a você quem é Tiaggo Lima, o Imperador do Norte? Certamente você responderia que é o cantor das coletivas de imprensa do prefeito de Manaus, David Almeida, (Avante) e da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), uma das pastas mais atuantes da Prefeitura Municipal, do secretário Sabá Reis.


O portal de notícias BLITZ AMAZÔNICO bateu um papo com o cantor Tiaggo Lima, o Imperador do Norte para contar um pouco da história de como teve início a história do artista.

“Eu canto desde pequeno na igreja, meus pais são evangélicos, com oito anos eu representei o Amazonas pela igreja Adventista do Sétimo Dia, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro para mais de 126 países”, revelou.

Mas até chegar ao título de Imperador do Norte a caminhada não foi nada fácil e aos poucos foi chegando o sucesso.

“Fique cantando na igreja passei pela Voz da Profecia, passei pelos Quartetos Arauto do Rei da Igreja Adventista, vim para Manaus fiquei aqui ajudando meu pai nas igrejas e alguns motivos levaram sair do evangelho para cantar músicas seculares, para estar trabalhando, pois é um pouco difícil se manter na obra, viver da obra é um pouco complicado e eu fico muito feliz de ter conhecido o prefeito Davi Almeida, nesse período cantando na igreja eu e o prefeito cantávamos juntos lá, fazíamos oração, e quando eu saí da igreja, fiquei cantando música secular”, contou.

Quando tudo parecia conspirar a favor do boom da sua carreira, eis que veio a pandemia. “Daí eu fiz o Peladão a Bordo pela TV A Crítica o ano retrasado, eu estava fechando contrato com a Itaipava, já tinha uma empresa contratada por ela para cuidar da minha carreira que ajudava, marcava shows e aí veio a pandemia. Veio a pandemia entrei na campanha para ajudar o Davi, meu amigo”, revelou.

E foi uma indicação de um amigo, o Alan Nascimento, o “gari da alegria” que permitiu que o cantor Thiaggo Lima tivesse seu primeiro encontro com o prefeito de Manaus, Davi Almeida (Avante) durante um evento na Semulsp.


Quando chegou seu momento com o chefe do executivo municipal ele clamou por ajuda:

“O senhor me conhece, nós cantávamos juntos na igreja, você conhece meu pai, você é meu amigo independente de ser o prefeito, me ajude! Eu trabalhei para o senhor, eu mereço, eu trabalhei na campanha, eu tenho como provar”, desabafou.

O prefeito atendeu ao pedido, pegou o currículo de Thiaggo Lima e deu um emprego de motorista, mas essa profissão não servia para o artista. 

“Quando eu ia indo embora uma voz veio e disse: Entre aqui na porta e procure o Sabá Reis, e eu fui”, contou.

Após duas horas de espera, fome, sede e ansiedade para entregar o currículo em mãos, “assim como Jacó quando agarrou o anjo e disse não te deixareis enquanto não receber minha bençãos”, Thiaggo foi perseverante e sem perder a fé teve um encontro com o secretário.

Sabá Reis foi um verdadeiro anjo na vida do cantor que a partir daquele dia passou a cantar em todas as coletivas da Prefeitura Municipal de Manaus e da Semulsp.


A carreira de Thiaggo Lima decolou, foi quando gravou quatro Cds Gospel, cinco Cds sertanejos, fez shows em mais de 12 de municípios do interior, tais como: Novo Aripuanã, Barcelos, Parintins, Manacapuru, Itacoatiara, Tapauá, Novo Airão, São Sebastião do Uatumã, Lago do Limão, Manaquiri muitos municípios pelo interior do Amazonas.

“Eu fico feliz de hoje estar ajudando o Secretário Sabá Reis, o prefeito Davi, essa gestão maravilhosa da Prefeitura de Manaus que cuida das pessoas e de quem mais precisa, eu fico muito honrado a Deus e eles por isso sou muito grato, espero que continue ajudando”, finalizou.

Tiaggo Lima lança ainda este ano uma música inédita de sua autoria que fala sobre um relacionamento contornado que teve há 04 ou 05 anos atrás, onde sofreu muito de amor até ficar em estado depressivo. 

Mais como fala os mais velhos: "A volta que faz o anzol, e acabou acontecendo". Depois que superou ela quis voltar chorando, ele não quis mais.





Fotos: Arquivo Pessoal

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem