Mãe viraliza nas redes sociais ao expor cor diferente do leite materno: ‘Meu leite ficou azul’

Uma mulher dividiu um fato inusitado com os seus seguidores nas redes sociais. Cárina-Natalie Worley, mãe de três filhos, compartilhou com os internautas através do TikTok a cor inusitada do seu leite materno. Isso porque o alimento estava com uma tonalidade azulada.





 A jovem acredita que ele tenha ficado com essa cor devido ao filho estar doente.

A postagem com o vídeo da mãe viralizou e havia quase milhares de visualizações. “Meu leite ficou azul porque meu filho está doente, então meu corpo está produzindo anticorpos para combater o vírus. O corpo humano é incrível”, desabafou a mulher enquanto mostra o leite azul.

Os internautas deixaram vários comentários e muitos ficaram surpresos com a tonalidade inusitada do leite materno. “Absolutamente incrível”, frisou uma seguidora impressionada. Já outra mãe lamentou: “Eu vou chorar, joguei o meu leite fora porque um familiar me disse que leite azul era ruim para o bebê.

O comentário de Cárina-Natalie tem respaldo em um estudo do ano de 2013, que sugere que a saliva da criança é interpretada por receptores que estão presentes no mamilo. Desta forma, o organismo entende quais são os anticorpos que o bebê necessita para combater determinados vírus ou infecção.

O corpo da mãe produz um leite customizado que vai ajudar a fortalecer o sistema imunológico da criança. Segundo Moises Chencinski, pediatra e colunista da Crescer, é importante explicar esse tipo de alteração de forma cuidadosa. O especialista ressaltou que o leite materno é um alimento vivo que se transforma conforme as necessidades da criança. A composição muda conforme a fase da mamada.

Colorações possíveis do leite materno

Segundo o médico, o leite materno pode ter algumas colorações possíveis que são inofensivas para a criança. Veja abaixo quais são as cores possíveis e os motivos que podem levar a mudança na tonalidade.

Laranja: ocorre geralmente quando a mãe ingere alimentos com caroteno, como é o caso da abóbora e cenoura.

Azulada: a cor pode ocorrer no início da mamada, pois o leite apresenta um teor menor de gordura.

Esverdeada: a cor pode ocorrer devido à ingestão de alimentos como algas ou vegetais verdes (espinafre, por exemplo).

Marrom: é uma tonalidade comum nos primeiros dias do aleitamento quando os dutos estão se adaptando a produção do leite. Nessa fase pode ocorrer pequenos sangramentos internos que dão essa cor ao alimento.

O pediatra fez questão de frisar que, desde a fase do colostro, o leite materno é rico em nutrientes e anticorpos que são passados constantemente para a criança. O alimento auxilia a fortalecer o sistema imune, importante no combate a doenças.

 

Fonte: 1News

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem