PC-AM assinala importância da validação de depoimentos ditos fora de unidades policiais

Diante de inúmeros casos onde o investigado expõe versões divergentes ao que são ditas durante depoimento em unidades policiais, a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio do 24º Distrito Integrado de Polícia (DIP), assinala a importância da validação dessas declarações e esclarece como proceder.


O delegado Marcelo Martins, titular da unidade policial, esclareceu que declarações ditas fora das delegacias não podem ser consideradas verídicas, tendo em vista que, dentro do ambiente policial, há um confronto com provas que são coletadas durante as investigações.

“Os depoimentos válidos são aqueles prestados nas dependências das delegacias, em conversa com alguma autoridade policial, pois, ao depoente, são realizadas perguntas apropriadas para compor o material de investigação. Diferente de uma declaração em ambiente externo, onde a pessoa cria a narrativa que quiser, sem ser questionada com demais informações que são pertinentes ao Inquérito Policial”, destacou o delegado.

O titular relembrou de um caso em que o investigado prestou um depoimento na delegacia e, posteriormente, relatou em suas redes sociais o oposto do que fora dito diante da autoridade.

“O infrator compareceu ao 24º DIP, alegando que seria inocente, porém, ao ser confrontado com as provas, ele acabou confessando o crime. Entretanto, fora da unidade policial, ele divulgou nas mídias sociais a primeira versão, na qual se declarava inocente. Portanto, é importante dizer que, dentro do ambiente policial, o interrogatório é muito mais pertinente do que meras versões lançadas ao ar”, salientou.

A autoridade policial ressaltou que as equipes de investigação não levam em consideração as versões contadas fora das delegacias.

“Caso o indivíduo relate novos detalhes sobre um caso, em ambiente externo, só será solicitado um novo depoimento caso surjam novas provas e novos elementos, que devem ser apurados com o investigado pelas autoridades policiais”, falou Marcelo.

Validação de informações – O delegado destaca que qualquer informação a respeito de casos investigados pela PC-AM deve ser validada com autoridades policiais, por meio da assessoria de imprensa da instituição, no e-mail pcam.imprensa@gmail.com, por meio do qual são veiculadas as notícias oficiais.

FOTO: Mayara Viana/PC-AM

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem