Prefeitura de Manaus realiza a abertura da Conferência Municipal de Educação

A Prefeitura de Manaus realizou, nesta quarta-feira, 16/3, a abertura da VI Conferência Municipal de Educação (Comed) 2022.


O evento, coordenado pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), ocorreu no auditório da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), zona Centro-Sul, e reuniu os chefes das Divisões Distritais Zonais (DDZs), gestores, assessores, representantes de entidades e instituições representativas. O encontro encerra nesta quinta-feira, 17, e o objetivo é verificar as aspirações e expectativas da capital amazonense quanto às políticas públicas educacionais.

O evento, que é uma ação do Fórum Permanente de Educação de Manaus (FPEM), é um espaço de interlocução entre a sociedade civil e o poder público municipal de educação. De caráter permanente, foi criado pelo Decreto Municipal nº 3.623, de 31 de janeiro de 2017, e instituído por lei com a aprovação do Plano Municipal de Educação (PME 2015-2025).

Na conferência, os participantes trabalham em três eixos: avaliação das diretrizes e metas; uma escola para o futuro: tecnologia e conectividade a serviço da educação; e a criação do Sistema Nacional da Educação (SNE) com a avaliação da legislação inerente à proposta do modelo. No último dia, serão eleitos os delegados para a Conferência Nacional de Educação (Conae).

O diretor do Departamento de Gestão Educacional (Dege), Evaldo Bezerra, representando a Semed no evento, afirmou que o trabalho da conferência é fundamental para se alcançar uma educação de qualidade no município de Manaus.

“Acreditamos que com essa discussão de ideias que aqui forem implementadas, conseguiremos atingir essas metas tão almejadas, que é justamente transformarmos a educação do nosso município em excelência. Para isso, é importante a participação de todos os envolvidos nesse processo”, citou.

Com o tema “O cumprimento das metas do PNE e suas implicações para a melhoria da qualidade da educação dos municípios”, o coordenador do Fórum Nacional da Educação (FNE) e presidente da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (Uncme), Humberto Gonzaga, foi o palestrante da conferência. Para ele, a discussão é essencial para Manaus conseguir os objetivos para uma educação de qualidade.

“A discussão vai ao encontro justamente das metas do Plano Municipal de Educação de Manaus, alinhadas com as metas do Plano Nacional de Educação. Hoje, a nossa expectativa aqui foi bem atendida, ao mostrar claramente aquilo que está sendo executado pelo município de Manaus, em relação ao fórum, onde por meio das suas ações têm diagnosticado e apoiado isso”, pontuou Gonzaga, que ressaltou que o fórum é responsável pelo monitoramento realizado pelo Ministério da Educação, por meio da Secretaria da Educação Básica.

“A gente tem procurado auxiliar os municípios para o cumprimento rigoroso do que prevê o Plano Nacional, cujas metas deverão ser atingidas até o ano de 2024”, completou.

De acordo com a assessora pedagógica da Semed e coordenadora da Comed, Ruth Cunha, o encontro é a realização de um processo construído para que os educadores do município busquem novos caminhos para o processo de ensino e aprendizagem.

“Nós, enquanto instituição Semed, juntamente com o Fórum Permanente de Educação de Manaus, oportunizamos esse momento para que toda a comunidade, como professores, diretores e os integrantes dos fóruns, dos conselhos de educação, enfim, para que toda a sociedade civil e organizada possa se fazer presentes. Além disso, os participantes podem trazer as suas contribuições para essas políticas públicas, que são importantes para a nossa cidade”, contou.

A diretora da escola municipal República do México, no bairro Flores, zona Centro-Sul, que representou todas as unidades de ensino da Divisão Distrital Zonal (DDZ) Sul, Lucy Meire Braga, afirmou que o evento é fundamental para os educadores das escolas participarem e contribuírem na troca de experiências.

“Representa um momento da democracia, onde gestores, representantes dos pais, servidores da secretaria, dos conselhos escolares participam e discutem democraticamente os caminhos da educação municipal de Manaus. Hoje é um momento muito esperado, de muita expectativa, visto que Manaus passou por uma pandemia de dois anos. Hoje é um momento de discutir estratégias para a recuperação da aprendizagem, da melhoria e da qualidade do ensino de Manaus”, disse.

Fotos - João Viana / Semcom

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem