Em Tefé, PC-AM prende homem em flagrante por estelionato, exploração de jogos de azar e porte de arma de fogo

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Tefé (a 523 quilômetros de Manaus), prendeu, em flagrante, no dia 14 de abril, por volta das 16h, Janderson Silva da Silva, 33, pelos crimes de estelionato, exploração de jogos de azar e porte de arma branca, em um hotel localizado no bairro Centro, naquele município.


Conforme o delegado Caio Sabino, titular da unidade policial, as equipes receberam denúncias informando que Janderson seria explorador de jogos de azar oriundo do município de Coari (a 363 quilômetros), e estava hospedado naquele hotel. Com base nisso, os policiais se deslocaram ao endereço para apurar o fato.

“Ao chegarmos no hotel, Janderson nos atendeu, mas negou as acusações sobre os jogos de azar. Entramos no quarto, realizamos uma revista e encontramos bolas de sorteio, bilhetes de rifas, cadernos de anotações de venda e prestação de contas, além de algumas facas, canivetes e R$ 2.731 em espécie”, relatou o delegado.

O titular da DIP de Tefé informou ainda que no quarto também estava a esposa do indivíduo, mas ela foi liberada. Janderson confirmou que era administrador de jogos de azar, porém, alegou que seu chefe mora em Coari e é conhecido como “Lira”.

’’Há muitas denúncias em relação a esses jogos em Tefé, no qual não há ganhadores, pois o administrador do jogo contrata pessoas como ‘laranjas’, que se passam por ganhadores do prêmio, a fim de induzir outras pessoas a jogarem também”, explicou o delegado Caio Sabino.

Procedimentos – O indivíduo foi autuado pelos crimes de estelionato, exploração de jogos de azar e porte de arma branca. Ele ficará custodiado na carceragem da unidade policial, à disposição da Justiça.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem