Jogadora revela assédio e ataques de seguidores nas redes sociais: 'Falam que estão com tesão'

A estrela do futebol feminino Gabriella Howell, de 22 anos, relatou nas redes sociais que vem sofrendo frequentemente abusos sexistas. Torcedora do Tottenham, ela joga futebol desde os oito anos e começou sua carreira no Crystal Palace, antes de passar pelo Carshalton e depois pelo Sutton United, onde joga atualmente.







Apesar de ajudar o Sutton a liderar a primeira divisão da Liga Feminina Regional de Londres, Howell revelou que ainda está sujeita a esses horríveis ataques, sendo alvo em suas contas do Instagram e do TikTok pelo simples motivo de gostar de jogar futebol, mas também de se vestir bem e sair no fim de semana.

Em um dos últimos ataques, um dos usuários escreveu para ela: "Esse é o problema do futebol feminino, as jogadoras são escolhidos pela aparência e não pelo talento"", afirmou.

"Você pode ser os dois. Você pode jogar futebol e gostar de usar salto alto. Os homens dizem nos comentários das minhas fotos jogando futebol que estão com tesão. Meu clube está marcado nos posts. É embaraçoso", afirmou.

 

 

A meia, no entanto, opta por não excluir as mensagens para provar aos seus fãs que um grande número de seguidores nas redes sociais não é necessariamente uma coisa boa.

 

Gabriella Howell - Reprodução

 

"Gosto de manter (os comentários de ódio) em meus perfis e não os excluo. Nem todo mundo vai gostar de você. Repito isso para mim mesma quando vejo esses comentários. Você só precisa desenvolver um casco", conclui.

 

Jogadora de time inglês revela ataques sexistas nas redes | Internacional |  iG


 

Jogadora de time inglês revela ataques sexistas nas redes | Internacional |  iG

Fotos: Reprodução 

 

Fonte: O Dia 

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem