Levantamento sobre saúde bucal começa em Manaus, Tefé e Manacapuru

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), em parceria com as prefeituras dos municípios, deu início, nesta segunda-feira (04/04), ao estudo “SB Brasil”, que avalia as condições de saúde bucal da população. Manaus, Tefé e Manacapuru são os primeiros a receberem as equipes.


Os profissionais devem visitar as residências, previamente selecionadas, e, caso alguém seja compatível com a pesquisa, será convidado a participar.

No momento da coleta de informação, as equipes irão aplicar questionários para saber mais sobre o perfil do participante e de sua família, além da realização do exame bucal.

“As equipes estão identificadas com crachás, uniformes e a população deve conferir tais informações. Os dados coletados vão colaborar para identificarmos a atual realidade do estado para estabelecer metas e estratégias de melhorias da saúde bucal”, afirma o secretário de estado de saúde, Dr Anoar Samad.

Será avaliada a população de faixas etárias específicas. Para estimar a prevalência da cárie dentária em coroa, por exemplo, o público alvo é a população de 5, 12, 15 a 19, 35 a 44 e 65 a 74 anos. Também serão avaliados os seguintes itens: a prevalência da cárie dentária em raiz, as consequências clínicas da cárie dentária não tratada, estimar as necessidades de tratamento, a condição periodontal, a prevalência de oclusopatias e a gravidade do traumatismo dentário. Também será estimado o uso e necessidade de prótese dentária e de tratamento de urgência.

A partir dos dados levantados, será caracterizado o perfil demográfico, socioeconômico, o acesso e utilização de serviços odontológicos, a morbidade bucal referida e a autopercepção e impacto em saúde bucal para a população.

A pesquisa - o projeto é realizado a cada 10 anos, no âmbito da Política Nacional de Saúde Bucal, conhecida como Brasil Sorridente, implementada pelo Ministério da Saúde (MS). No Amazonas, o levantamento é realizado em parceria com as prefeituras.

Neste ano, aproximadamente 50 mil pessoas que moram em 422 municípios do país (395 cidades do interior, 26 capitais e o Distrito Federal), foram selecionadas para participar da pesquisa do MS.

O objetivo do levantamento é proporcionar à gestão do Sistema Único de Saúde (SUS) informações para o planejamento de políticas e programas de promoção, prevenção e assistência em saúde bucal, nas esferas nacional, estadual e municipal.

Os municípios do Amazonas que receberão as equipes, ainda neste mês de abril, são Borba, Eirunepé, Humaitá, Itacoatiara, Maués, Parintins, Presidente Figueiredo, São Paulo de Olivença e Urucurituba.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem