Prefeitura de Manaus reúne órgãos da estrutura municipal para debater segurança

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Semseg), realizou, na manhã desta sexta-feira, 8/4, a primeira reunião do Grupo Integrado de Segurança Pública, composto por todos os órgãos municipais.


O encontro aconteceu no Centro de Cooperação da Cidade (CCC), no bairro Parque 10 de Novembro, zona Centro-Sul, e foi presidido pelo titular da pasta, Sérgio Fontes.

A segurança é uma demanda recorrente em todas as pastas do Executivo municipal e com a expectativa de armamento letal da nova guarda, muitas secretarias tem procurando a Semseg com o objetivo de fortalecer os guardas municipais em suas unidades, e por isso o Grupo Integrado foi formado, aproximando os órgãos e discutindo os problemas que existem, muitas vezes em conjunto.

Para o secretário Sérgio Fontes, o grupo tem como principal objetivo mapear as ocorrências nas áreas em comum. “Nós queremos hoje apresentar a estrutura da Semseg e tudo o que nós podemos fazer pela cidade, mas principalmente, nós queremos pedir a colaboração das secretarias, e formalizar uma parceria que seja benéfica principalmente para a população”, disse Fontes.

Mais de dez representantes de secretarias estiveram presentes, entre eles, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) que trabalha um projeto-piloto “Proseg”, que conta com o apoio irrestrito da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). O projeto consiste no quantitativo das ocorrências e principalmente no mapeamento das áreas de maior incidência.

“Precisamos fortalecer a segurança das nossas unidades escolares e por isso estamos fazendo uma interlocução, buscando somar esforços que coíbam os vandalismos e furtos. E nós temos percebido que o apoio dado pela Secretaria de Segurança já tem dado resultado”, observou a coordenadora do projeto, Ilenilda Felipe.

A Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman), também participou da reunião e destacou a importância desse grupo para atuação de diversos serviços. “Nós estamos na rua sempre e dependendo da operação que vai ser realizada, somos recebidos de forma hostil, esse estreitamento de relações com a Semseg e demais secretarias, vai nos permitir até mesmo realizar operações conjuntas, reduzindo o erário público e principalmente, acelerando as respostas que a população precisa”, afirmou Eraldo Leal, diretor de Gestão Energética e Iluminação Pública da Ageman.

Além da estrutura de segurança, a reunião também teve uma breve apresentação do plano de contingência da operação Cheia 2022, que já foi assinado pelo prefeito David Almeida e começa a ser implementado a partir da próxima segunda-feira, 11.

Fotos – João Viana / Semcom

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem