Prefeitura reinstala limitador de altura em viaduto do São Jorge

A Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), informa que nesta quinta-feira, 21/4, a passagem subterrânea do complexo viário Ministro Roberto Campos, que liga o bairro do São Jorge à rua Pará será interditada das 9h às 15h para instalação do pórtico limitador de altura, para oferecer mais segurança aos condutores que transitam na área.


De acordo com o titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), Renato Júnior, será instalada uma estrutura reforçada, para garantir a segurança no local. “Estamos recuperando e reforçando o limitador de altura da trincheira do complexo viário Ministro Roberto Campos. Pela terceira vez a mesma estrutura foi danificada por veículos pesados com altura acima do permitido. Será implantada uma estrutura de aço reforçada, que suporta impactos de grande magnitude. Vale lembrar a importância dessa estrutura, uma vez que é ela quem delimita a altura permitida de veículos. Dessa forma, evita uma possível colisão com a tubulação de gás que passa no interior do complexo viário”, informou o secretário.

Durante ao período de interdição, os condutores que trafegam pelo local, a partir da avenida São Jorge em direção à rua Pará, não poderão acessar a passagem subterrânea e terão como opção a plataforma à direita para acessar a avenida Constantino Nery e seguir até o retorno viário nas proximidades da avenida Ayrão, para em seguida, retornar à avenida Constantino Nery até acessar à direita na rua Pará em direção à Djalma Batista.

O vice-presidente de trânsito do IMMU, Edson Lêda, reuniu as equipes de agentes nesta quarta-feira, 20, para o planejamento das ações no local. “Estamos empenhados em oferecer segurança e garantir condições favoráveis para que o trabalho da Seminf seja realizado com êxito. Estamos presentes em várias frentes de trabalho nas ruas de Manaus, para que o tráfego seja preservado. Lá no viaduto Roberto Campos já estamos presentes desde a semana passada e continuaremos lá orientando o trânsito até que o problema seja resolvido. Pedimos aos condutores atenção redobrada”, disse Lêda.

O setor de Divisão de Transportes do IMMU comunicou às empresas que fazem a rota das linhas 118 e 122, que as mesmas terão parte do itinerário alterado nas imediações do complexo viário. As linhas seguirão o mesmo trajeto dos demais veículos.

-- -- --

Texto - Álisson Castro/IMMU

Fotos – Ingrid Anne / Arquivo – Semcom

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem