Urgente: suspeito de ter assassinado o dono do Fast Temaki é preso em Manaus

Manaus – Nesta sexta-feira (08), um homem foi preso suspeito de ter envolvimento no assassinato do empresário Rafael Moura Cunha, que era conhecido por ser dono do restaurante Fast Temaki e um dos sócios do Pagode do P10 e da Puraka Mídias. O crime aconteceu no dia 2 de dezembro de 2021.

Foto: Divulgação / BLITZ AMAZÔNICO

O suspeito ficou detido no 8º Distrito Integrado de Polícia (DIP) com equipes da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). A coletiva a respeito do caso está prevista para este sábado (09), às 10h. Mais informações serão repassadas durante a reunião com a imprensa.

Relembre o caso:

Rafael Moura Cunha, de 40 anos, foi assassinado a tiros no dia 2 de dezembro de 2021, na rua Perimetral 1, ao lado da rotatória do Eldorado, bairro Parque 10, na zona Centro-Sul da capital amazonense.

O empresário estava em um carro modelo Jetta, de placa OAL 7077, quando foi alvo de diversos disparos de arma de fogo.

Segundo informações da polícia, o veículo de Rafael possuía vidros blindados. O assassino estaria em uma moto e teria aberto a porta do carro, ocasião em que efetuou diversos tiros na cabeça do empresário.


Um vigia informou, também, que Rafael era dono da Puraka Mídia e sócio do famoso Pagode do P10, além do restaurante Fast Temaki, ambos estabelecimentos situados na via onde ocorreu a execução.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado para socorrer o homem, mas ele não resistiu e foi a óbito. Os socorristas constataram a morte de Rafael ainda no local.


O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo. O caso continua sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Veja vídeo:


Fonte: Portal CM7

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem