Ageman adia implantação da 2ª fase do Zona Azul e recomenda ampliação da divulgação sobre a expansão do serviço no Centro

A Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman) determinou que a empresa responsável pela operação do Zona Azul adie, para a próxima semana, a implantação gradual da segunda fase da iniciativa e amplie as ações de divulgação do serviço junto aos usuários.


O diretor-presidente da Ageman, Elson Ferreira, esteve nesta segunda-feira, 9/5, nas áreas de expansão do serviço Zona Azul, e após vistoria nas ruas e avenidas, identificou ser necessária uma maior divulgação no sentido de orientar melhor motoristas e comerciantes.

Além de ampliar as ações de orientação, Elson também recomendou uma melhor sinalização dos pontos de vendas dos créditos, presença mais efetiva dos monitores e a conclusão do trabalho de sinalização da numeração das vagas nas vias.

“A orientação do prefeito David Almeida é que esse serviço avance para outras áreas da cidade, de forma a promover um melhor ordenamento na mobilidade urbana, principalmente nessa área comercial de Manaus, mas para isso se faz necessário que a empresa dê todas as condições para que o usuário possa utilizar o serviço sem transtornos”, afirmou.

Elson destacou ainda que caso a empresa não proceda todos os ajustes que ainda estão pendentes, a Ageman poderá recomendar novamente o adiamento da expansão do serviço.
Atualmente, o serviço oferta 2.100 vagas no primeiro lote já em operação na área central de Manaus. Outras 1.100 no lote 2 também no Centro e outras 629 no conjunto Vieiralves, zona Centro-Sul da capital, onde o serviço encontra-se temporariamente suspenso aguardando a conclusão de obras viárias que estão sendo realizadas na localidade.

O serviço Zona Azul é operado pela empresa Consórcio Amazônia, Tecnologia de Trânsito da Amazônia SPE – Ltda., detentora da outorga do serviço, conforme contrato nº 014/2015 – celebrado com o município de Manaus. O sistema começou a funcionar em Manaus com tarifa de R$ 2,45 a hora.

Os créditos podem ser adquiridos por meio do aplicativo Zona Azul Manaus, site www.zamanaus.com.br nos postos de venda autorizados ou ainda com os monitores.

As vias a serem contempladas a partir do dia 16/5 com o serviço Zona Azul serão as seguintes:

16/5 – 1ª Etapa

Rua José Paranaguá – Trecho entre avenida 7 de Setembro e rua Doutor Almínio
Rua Quintino Bocaiúva – Trecho entre as ruas Guilherme Moreira e Doutor Moreira
Rua Guilherme Moreira – Trecho entre Quintino Bocaiúva e 7 de Setembro
Rua Doutor Moreira – Trecho entre Quintino Bocaiúva e José Paranaguá
Avenida Floriano Peixoto – Trecho entre Eduardo Ribeiro e 7 de Setembro
Rua Lima Bacuri – Trecho entre Floriano Peixoto e Doutor Almínio.

23/5 – 2ª Etapa

Rua Quintino Bocaiúva – Trecho entre Pedro Botelho e Floriano Peixoto
Rua Mundurucus – Trecho entre rua dos Andradas e Quintino Bocaiúva
Rua dos Andradas – Trecho entre Floriano Peixoto e Pedro Botelho
Rua Leovegildo Coelho – Trecho entre Floriano Peixoto e Miranda Leão
Rua Celso Pessoa – Trecho entre rua dos Andradas e Miranda Leão
Rua Rocha dos Santos – Trecho entre rua dos Andradas e Miranda Leão.

30/05 – 3º Etapa

Rua Miranda Leão – Trecho entre Marquês de Santa Cruz e Pedro Botelho
Rua Leovegildo Coelho – Trecho entre Miranda Leão e rua Barão de São Domingos

Rua Celso Pessoa – Trecho entre Miranda Leão e rua Barão de São Domingos
Rua Rocha dos Santos – Trecho entre Miranda Leão e rua Barão de São Domingos

Rua dos Barés – Trecho entre Rocha dos Santos e Pedro Botelho
Rua Marquês de Santa Cruz – Trecho entre rua dos Barés e Miranda Leão
Rua Tabelião Bessa – Trecho entre rua dos Barés e Barão de São Domingos
Rua Barão de São Domingos – Trecho entre Tabelião Bessa e Pedro Botelho.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem