Em Manacapuru, PC-AM prende indivíduo por tentativa de feminicídio e estupro de vulnerável

Na manhã de quinta-feira (05/05), por volta das 12h30, policiais civis da Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus) cumpriram mandado de prisão preventiva em nome de um indivíduo de 20 anos, pelos crimes de tentativa de feminicídio e estupro de vulnerável, praticados contra uma adolescente de 16 anos.


O fato ocorreu no dia 23 de abril em uma via pública, no bairro da Correnteza, naquele município.

De acordo com a delegada Roberta Merly, titular da DEP, as equipes tomaram conhecimento sobre o crime após a vítima relatar que, no dia do fato, estava retornando para sua casa, momento em que percebeu que o infrator estava lhe seguindo. Posteriormente, ele se dirigiu até a adolescente e disse que gostaria de ficar com ela, em seguida, tentou colocar as mãos em suas partes íntimas, mas a vítima reagiu batendo no rosto dele.

“Após isso, o infrator realizou diversas agressões na região do crânio dela, causando um traumatismo craniano na adolescente, além de realizar o golpe ‘mata-leão’, que resultou em sua perda de consciência”, explicou a delegada.

Diligências – A autoridade policial destacou que as investigações em torno do caso iniciaram e, após oitivas e a realização do exame de corpo de delito da vítima, foi constatada a veracidade do crime. Com base nisso, foi solicitado à Justiça mandado de prisão preventiva em nome dele, e a ordem judicial foi expedida pelo juiz Rafael Almeida de Cró Brito, do Plantão Criminal de Manacapuru.

“Com a ordem judicial decretada, conseguimos efetuar a prisão do infrator na rua Angelus Figueira, bairro Correnteza, em Manacapuru”, disse Roberta Merly.

Procedimentos – O indivíduo responderá por tentativa de feminicídio e estupro de vulnerável, e ficará custodiado na carceragem da unidade policial, à disposição da Justiça.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem