TCE-AM

Em Tefé, Ceti Hélio Bessa sedia lançamento do projeto ‘Restaurando a História’

Com o objetivo de mostrar a importância do patrimônio histórico de Tefé (a 523 quilômetros de Manaus) e do setor de restauro do Amazonas, o Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti) Francisco Hélio Bezerra Bessa, naquele município, recebeu, na sexta-feira (27/05), o lançamento do projeto “Restaurando a História”.


A iniciativa tem concepção e produção dos artistas Tácio Melo e Rogério Costa.

As filmagens e entrevistas do projeto foram gravadas em pontos históricos da cidade, como o Prédio das Missões (região mais antiga de Tefé), Instituto Mamirauá, Seminário São José (prédio mais antigo da cidade), além de entrevistas feitas com profissionais de restauro do Amazonas, no Palacete Provincial, localizado na cidade de Manaus.

Para a gestora da unidade escolar, Zélia Figueiredo, é de extrema importância que a história do município seja valorizada. “Recebemos a notícia com uma grata satisfação, será de grande valia para entendermos melhor o valor da história do nosso estado e, consequentemente, do nosso município, uma vez que Tefé está nesse maravilhoso documentário”, explica a educadora.

Para um dos criadores do projeto, o fotógrafo e artista Tácio Melo, conscientizar jovens e adultos sobre a importância de iniciativas como essa, de valorização da história, é fundamental.

“Pela primeira vez um documentário estará mostrando a importância dos cuidados com o patrimônio histórico de Tefé e com o setor de restauro do Amazonas. Acredito que essa seja uma forma de contribuir para que toda a população possa cuidar, não apenas de prédios ou objetos, mas de algo que faz parte da história daquele lugar”, destacou o artista.

Tácio explica ainda o motivo pelo qual a cidade de Tefé foi escolhida para dar vida à produção audiovisual. “Acreditamos que Tefé tem muitos espaços a serem valorizados, e nossa ideia é somar conhecimentos sobre os cuidados com os patrimônios históricos da cidade. O documentário seria uma forma educativa de sensibilizar os alunos do ensino público e pessoas em geral a receberem esse conhecimento”, ressaltou.

O projeto foi contemplado pelo Programa Cultura Criativa 2020, Lei Aldir Blanc – Prêmio Encontro das Artes, do Governo do Amazonas, com o apoio do Governo Federal, por meio do Ministério do Turismo, via Secretaria Especial da Cultura e Fundo Nacional de Cultura.

Investimento na educação

A partir do conteúdo que será entregue, a ideia é que professores e profissionais da educação dos municípios possam exibir o trabalho como conteúdo educacional, mostrando a importância da preservação e do restauro para a história. Vale destacar que o espectador poderá aprender bastante e levar o conhecimento para outras gerações.

A produção irá disponibilizar ainda 500 exemplares do documentário “Restaurando a História”, que serão entregues nos municípios de Tefé e Manaus, para acervo bibliográfico.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem