PC-AM apreende adolescente por ato infracional análogo a latrocínio praticado contra motorista de aplicativo

Policiais civis da Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), cumpriram, nesta segunda-feira (02/05), por volta das 10h, mandado de busca e apreensão em nome de um adolescente, de 15 anos, por ato infracional análogo a latrocínio, praticado contra um motorista de aplicativo, que tinha 36 anos.


O fato ocorreu em outubro de 2020, no bairro Jorge Teixeira, zona leste de Manaus.

De acordo com a delegada Juliana Tuma, titular da unidade especializada, na ocasião do fato, o motorista estava concluindo uma corrida no endereço mencionado, quando o adolescente o abordou e efetuou um disparo de arma de fogo contra ele, que não resistiu e foi a óbito. O adolescente, juntamente com seus comparsas, fugiu levando o carro e pertences da vítima.

“A passageira que estava no carro havia entrado em sua residência para buscar o dinheiro e pagar a corrida, momento em que ouviu o disparo de arma de fogo, ao sair avistou que o homem havia sido atingido”, contou a delegada.

Segundo a autoridade policial, logo após o fato criminoso, a equipe de investigação da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD) começou a apurar o fato e identificou o envolvimento do adolescente, sendo assim, o caso foi encaminhado à Deaai.

“Foi solicitado à Justiça pelo mandado de busca e apreensão em nome dele, e a ordem judicial foi expedida pelo juiz Eliezer Fernandes Júnior, do Juizado da Infância e Juventude Infracional. Com a ordem decretada, seguimos em diligências e conseguimos apreendê-lo em sua casa no bairro compensa, zona oeste da capital”, informou a titular da Deaai.

Procedimentos – O adolescente irá responder por ato infracional análogo a latrocínio e ficará a disposição da Justiça.

FOTO: Mayara Viana/PC-AM.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem