TCE-AM

Prefeitura de Manaus realiza premiação da Obmep com alunos da Rede Municipal de Ensino

A Prefeitura de Manaus realizou a cerimônia de premiação aos estudantes e professores medalhistas da 16ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep), nesta terça-feira, 24/5.


Em 2021, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) foi contemplada, de modo inédito, com duas medalhistas de Ouro, uma de Prata e 11 de Bronze.

A ação é coordenada pela Divisão de Ensino Fundamental (DEF) e tem como objetivo estimular e valorizar competências na área da matemática aos estudantes da rede municipal de ensino. O evento ocorreu no Centro de Convenções do Amazonas Vasco Vasques, localizado no bairro Flores, zona Centro-Sul.

A secretária de Educação, professora Dulce Almeida, parabenizou os alunos ganhadores e destacou como a gestão do prefeito David Almeida preza por valorizar os talentos da Rede Municipal de Ensino.

“Em nome do prefeito David Almeida, parabenizo os professores, gestores e pais, principalmente, os alunos vencedores, que estão no caminho certo, porque a educação é libertadora. Somos muito privilegiados em ter conosco alunos como esses, que são verdadeiramente brilhantes. Com essa premiação, os alunos são motivo de orgulho aos professores, à família e à sociedade”, declarou.

O evento de premiação é uma das iniciativas do Programa Matemática Viva, pertencente à DEF. A professora Giselle Cavalcante, coordenadora do programa, destacou que a Semed teve uma participação exitosa na 16ª edição da Obmep.

“O programa Matemática Viva idealizou essa cerimônia de premiação para valorizarmos o trabalho do professor, além do empenho do aluno, e estimular nos estudantes o gosto pela matemática. Assim, queremos descobrir talentos e o aumento da proficiência no componente de matemática nas escolas municipais”, enfatizou.

Vencedores

A aluna do 9° ano, Kamylla Camurça, 14 anos, da escola Raimundo Almeida Lúcio, localizada na Colônia Terra Nova, zona Norte, conquistou a Medalha de Ouro e comentou a sensação em ter alcançado a posição de maior destaque numa competição em nível nacional.

“Fiquei muito feliz por ganhar a medalha nesta competição de matemática, e como aluna é algo também muito importante para minha realização pessoal. Além disso, esse momento é muito gratificante, por isso estou muito feliz”, enfatizou.

Outro medalhista de Ouro foi o aluno do 8° ano, David Alexandre Dias, 13 anos, da escola Desembargador Oyama Ituassu, no bairro Santa Etelvina, zona Norte, que mencionou como essa premiação irá melhorar sua atuação na sala de aula.

“Representa muita coisa essa conquista, porque eu gosto bastante da matemática. Participar da Obmep foi algo muito legal e estou muito satisfeito”, enfatizou.

A Medalha de Prata foi conquistada pelo aluno Alexandre Gabriel da escola Guilherme Barbosa Barker, no bairro São Raimundo, zona Oeste.

Os alunos que ganharam Medalha de Bronze foram: Erick Souza de Oliveira (Escola municipal Professora Francisca P. de Araújo);Vitória Emanuelly Costa (Escola municipal Guilherme Barbosa Barker); Kauã Almeida (Escola municipal Professora Francisca P. da Silva); André Felipe Vogel P. Junior (Escola municipal Professora Jarlece da C. Zaranza); Isaac Santos de Oliveira (Escola municipal Vicente de Paula); Isabelle Fabiana Mota Gouvêa (Escola municipal Doutor Aristófanes Bezerra de Castro); Erick dos Santos (Escola municipal Doutor Aristófanes Bezerra de Castro); Guilherme de Lima (Escola Municipal Abílio Nery); Josué Gabriel Freitas da Silva (Escola municipal Professora Maria Auxiliadora Santos Azevedo); Wendrio Sales (Escola municipal Professora Francisca P. de Araújo); Isac Mesquita (Escola municipal Guilherme Barbosa Barker); além do professor Dilcelino da Silva (Escola municipal Doutor Aristófanes Bezerra de Castro).

Obmep

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) é um projeto nacional dirigido às escolas públicas e privadas brasileiras, realizado pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa), com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), e promovida com recursos do Ministério da Educação (MEC) e do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). A competição foi criada em 2005, para estimular o estudo da matemática e identificar talentos na respectiva área.

Fotos - Mário Oliveira / Semed

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem