Prefeitura fiscaliza mais de 50 veículos no Centro durante operação

Durante uma operação realizada pela Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), 58 veículos do modal táxi foram abordados e fiscalizados, na tarde desta terça-feira, 3/5, no Centro.


Documentos, habilitação, autorização para o transporte de passageiros, características do carro, foram as verificações analisadas durante a operação.

Quatro táxis foram apreendidos na avenida Floriano Peixoto, zona Sul. A fiscalização contra irregularidades nos serviços de transporte resultou na apreensão dos veículos devido os motoristas estarem dirigindo sem habilitação e sem permissão do órgão.

“Estamos realizando essa blitz para verificar o modal de táxis. A prefeitura tem realizado todos os dias fiscalização, monitoramento para garantir que os usuários estão utilizando o serviço seguro e de qualidade”, disse Jonas Moura, fiscal de Transporte do IMMU.

A infração mais recorrente é o atraso ou falta do documento de identificação do taxista, conhecido como “Carteirão”. Em seguida, estão problemas na documentação do veículo e na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do condutor.

“Pedimos que a população procure utilizar o serviço de táxi regularizado, pois os condutores são cadastrados e os veículos passam por vistorias anuais. Além disso, diante de qualquer reclamação na prestação do serviço, o IMMU tem condições de identificar o condutor e tomar as providências previstas na lei”, orientou Jonas.

A multa para esse tipo de infração é de 40 UFMs (R$ 5.086,80) e recai sob o permissionário que é o responsável por cadastrar o condutor auxiliar no IMMU.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem