Dentista tem mal-súbito e morre durante teste físico em concurso da PM

 Brasil – A dentista Darlene Sonaria Ferreira, de 30 anos, que morreu no último domingo (12), depois de passar mal e ter um infarto fulminante durante um teste de aptidão física para ingressar na Polícia Militar do Ceará.Dentista tem mal-súbito e morre durante teste físico do concurso da PM

 O infarto fulminante é aquele que acontece de forma inesperada e não apresenta prévios sintomas, muitas das vezes levando a pessoa acometida a morte súbita, sem chances de socorros médicos.

Um parente da vítima relatou em entrevista a um canal de notícias local que Darlene sofreu um infarto fulminante durante uma das provas. O familiar ainda informou que a dentista nasceu no município de Riacho de Santana, no Rio Grande do Norte. Depois, ela se mudou e passou a atender na cidade de Iracema, no interior do Ceará.

“Ela sempre foi assim de conseguir as coisas na garra. Ela queria ser oficial da PM. Sempre viveu longe de casa em busca dos sonhos dela”, relatou um parente que não quis se identificar.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS) informou que Darlene passou mal durante a prova de Avaliação de Capacidade Física do concurso público para ingressar no cargo de Segundo-Tenente do Quadro de Oficiais Complementares da Polícia Militar do Ceará (PMCE).

A pasta ainda comunicou que a dentista foi atendida imediatamente por uma equipe médica e levada as pressas para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região, onde chegou consciente e não resistiu.

A Prefeitura de Iracema também lamentou a morte da dentista e informou que se solidariza com a família. O caso foi registrado como morte natural.

Com informações via Chumbo Grosso

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem