Novos conselheiros municipais de saúde são empossados para o triênio 2022-2025

O Conselho Municipal de Saúde (CMS) empossou, na manhã desta quarta-feira, 29/6, os novos conselheiros eleitos para o triênio 2022-2025.


Tomaram posse 26 conselheiros, junto de seus respectivos suplentes, e as demais seis vagas restantes serão preenchidas em eleição complementar, totalizando 32 conselheiros municipais de saúde.

O titular da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Djalma Coelho, comemorou a chegada da nova gestão do CMS e destacou o trabalho do órgão, que contribui para o controle social do Sistema Único de Saúde (SUS), junto às ações da secretaria.

“O CMS tem uma importância gigantesca na tomada de algumas decisões da secretaria, já que participa de diversas discussões e contribui apresentando as dificuldades enfrentadas pelos conselhos locais de saúde. Ou seja, tem papel fundamental para, junto da prefeitura, tornar o SUS mais forte, mais atuante e mais promissor”, observou.

A cerimônia de posse foi realizada durante assembleia geral extraordinária, no auditório da Prefeitura de Manaus, no bairro da Compensa, zona Oeste. Das 32 vagas abertas para conselheiros titulares, oito são destinadas a gestores (25%), oito são para trabalhadores de saúde (25%) e 16 são destinadas a usuários do SUS (50%).

O presidente do CMS, conselheiro Jorge Luiz Maia Carneiro, informou que o processo eleitoral para a escolha dos novos integrantes ocorreu entre os meses de maio e junho. A renovação do quadro de conselheiros segue regimento interno da entidade.

“Nós conseguimos uma renovação de 30% a 40% no quadro de conselheiros, que terão mandato de três anos. Ao longo desse período, eles irão representar a sociedade nesses três segmentos. Dessa forma, a gente terá um colegiado apto a fazer o controle social, que compreende a fiscalização e as proposições para que a gente possa oferecer uma saúde melhor à nossa população”, afirmou.

Hellyngton Monteiro, representando o segmento dos usuários do SUS da zona rural terrestre, é um dos novos conselheiros titulares. Ele falou sobre a responsabilidade que cada representante terá para acompanhar e fortalecer as ações de saúde na cidade de Manaus. “É um sentimento bom começar a fazer parte do Conselho Municipal de Saúde da capital. Sei que terei a oportunidade e a responsabilidade, ainda maior, em contribuir com o avanço da nossa saúde municipal, pois esse é o nosso papel”, disse.

A lista com os nomes dos novos conselheiros municipais de saúde foi homologada e publicada no Diário Oficial do Município (DOM), do último dia 20. O ato declaratório com a designação dos novos conselheiros será publicado no DOM após trâmite legal realizado pela Casa Civil.

Mesa diretora

Durante a cerimônia de posse, o CMS também definiu a nova mesa diretora do conselho, por meio de votação direta entre os conselheiros presentes, que terá mandato de um ano. O representante dos usuários da zona Sul, Lindomar Barone, foi eleito presidente do CMS.

O vice-presidente eleito foi o representante do segmento de trabalhadores, Jorge Carneiro. A primeira secretária será a diretora do Departamento de Atenção Primária da Semsa, Sonja Farias, e o segundo secretário será o representante dos usuários, Jarson Kokama.

“Essa gestão vai ser focada na organização dos conselhos locais, verificação das demandas da sociedade em relação à saúde, além de manter o principal foco do CMS, que é a fiscalização das ações de saúde, estabelecimento de parcerias com outros órgãos e valorização do Sistema Único de Saúde na cidade de Manaus”, afirmou o novo presidente do CMS, Lindomar Barone.

Para vagas no segmento de gestores, houve a indicação de representantes titulares e suplentes da Semsa nas áreas Administrativa, Atenção Primária, Redes de Atenção, Vigilância Epidemiológica e Vigilância Sanitária, e Urgência e Emergência; e aclamação de representantes de governo e de entidades prestadoras de serviços de saúde (Ministério da Saúde e Sustentabilidade Empreendedorismo e Gestão em Saúde do Amazonas – Segeam).

No segmento de trabalhadores, a eleição por aclamação foi para representantes do Sindicato dos Trabalhadores Públicos da Área de Saúde do Estado do Amazonas; e para representantes do Sindicato dos Médicos do Amazonas, Conselho Regional de Serviço Social, Sindicato dos Farmacêuticos do Amazonas, Sindicato dos Condutores de Ambulância do Estado do Amazonas, Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde do Amazonas e Sindicato dos Fiscais de Saúde do Município de Manaus.

Na eleição para conselheiros do segmento de usuários, entre titulares e suplentes, foram eleitos representantes das seguintes entidades: Associação Comunitária Esportiva do Parque das Laranjeiras, Centro Social e Educacional do Lago do Aleixo; Associação de Moradores do Bairro Armando Mendes; Associação Assistencial Ágape do Morro da Liberdade; Associação Comunitária Rural Boa Vida; Associação Comunitária Rural Novo Paraíso – PA/Tarumã-Mirim; Associação Comunitária dos Produtores Rurais da Comunidade Julião; ONG Proteção, Adoção e Tratamento Animal (Pata); Associação Difusão Amazonas; União Brasileira de Mulheres – seção Amazonas; Movimento Pardo-Mestiço Brasileiro; Humaniza Coletivo Feminista; e Coordenação dos Povos Indígenas de Manaus e Entorno.

Fotos - Henrique Souza /Semsa

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem