PC-AM deflagra Operação Anjo da Guarda II e prende homem por estupro de vulnerável praticado contra sobrinhas

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da 53ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Santo Antônio do Içá (a 880 quilômetros de Manaus), deflagrou, na tarde de quinta-feira (02/06), por volta das 17h, Operação Anjo da Guarda II, que resultou no cumprimento de mandado de prisão preventiva em nome de um idoso de 65 anos, pelo crime de estupro de vulnerável, praticado contra suas sobrinhas, de 4 e 8 anos.


A prisão aconteceu no bairro Porto Novo, naquele município, e contou com o apoio da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) e Guarda Civil Municipal (GCM).

De acordo com a investigadora de polícia Dulce Montefusco, gestora da unidade policial, o crime aconteceu no dia 16 de maio deste ano, após a genitora deixar as meninas na casa de familiares.

“Um tio estava cuidando das meninas e demais irmãos, entretanto, precisou se ausentar para colher frutas. O autor, que é tio da mãe das vítimas, entrou na residência e praticou o crime contra as irmãs”, informou a autoridade policial.

Ainda conforme a gestora, a mãe das crianças notou um comportamento estranho em sua filha mais velha, ocasião em que a menina relatou o que havia acontecido e a responsável, junto a sua irmã, tia das vítimas, compareceram à 53ª DIP para denunciar.

“Ela percebeu um comportamento diferente nas meninas, pediu para que conversassem e elas desabafaram sobre o crime. Em posse das informações, a mãe da vítima as levou para fazer exames que comprovaram o delito, e, em seguida, registrou um Boletim de Ocorrência (BO) na delegacia”, detalhou a investigadora.

Segundo a gestora, a suspeita é que o homem tenha feito mais vítimas na região onde vive e pede, a quem tiver qualquer informação, que denuncie no (97) 99154-7356, disque denúncia da 53ª DIP, ou pelo 181, disque-denúncia da Secretaria de Segurança do Amazonas (SSP-AM).

Prisão

A gestora informou ainda que, com base no relato, as equipes iniciaram as diligências para efetuar a prisão do autor, ocasião em que foi solicitado um mandado de prisão em nome dele, logrando êxito na data de ontem.

A decisão judicial foi expedida pelo juiz Francisco Possidônio, da Comarca de Santo Antônio do Içá.

Procedimentos

O idoso responderá por estupro de vulnerável e ficará à disposição da Justiça.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem