Prefeitura firma parceria com o IBGE para a realização do Censo 2022

A Prefeitura de Manaus firmou, nesta terça-feira, 7/6, uma parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para apoiar a realização do Censo Demográfico 2022 na capital.


Em Manaus, uma das medidas para colaborar com os trabalhos será o de viabilizar o deslocamento dos recenseadores com a disponibilização do cartão Passa Fácil.

A parceria foi definida em uma reunião na sede do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), no bairro Cachoeirinha, zona Sul, com as participações do diretor-presidente do órgão, Paulo Henrique Martins; do titular da Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom), Israel Conte; do superintendente do IBGE no Amazonas, José Ilcleson Mendes Coelho, além de técnicos do instituto.

“Conforme a determinação do prefeito David Almeida, iremos dar todo o apoio necessário para que o IBGE faça um bom trabalho em Manaus. É importante também que a população atenda bem os recenseadores, porque esses dados norteiam investimentos para a cidade, a tomada de decisões do poder público, além de haver ainda dados referentes à urbanização, pontos de ônibus, pessoas que possuem automóveis, por exemplo. Portanto, são dados relevantes que podemos utilizar para o planejamento da cidade. É importante que essa parceria traga resultados e que esses resultados sejam transformados em novos projetos para a cidade de Manaus”, frisou Paulo Henrique.

De acordo com o superintendente do IBGE no Amazonas, José Ilcleson Mendes Coelho, a parceria com a Prefeitura de Manaus tem sido articulada desde o ano passado, por meio de encontros e reuniões.

“Essa parceria é essencial para que a gente possa ter êxito na realização do Censo na cidade de Manaus. A capital concentra quase 52% da população do Amazonas e, portanto, precisa de uma atenção especial para realização do Censo, dada toda a complexidade que há aqui na cidade. E a prefeitura tem demonstrado toda disponibilidade, por meio de suas secretarias, de prestar auxílio, seja em relação à divulgação do Censo, agora, seja por meio do IMMU, em relação ao transporte coletivo para nossas equipes”, frisou José Ilcleson.

Pesquisa

Entre as informações que serão captadas pelo Censo estão perguntas sobre o deslocamento para estudo e para o trabalho, além do meio de transporte utilizado para esse deslocamento, entre outras sobre mobilidade urbana. No total, serão 26 perguntas no questionário básico, e 77 perguntas no questionário da amostra.

Fotos - Sidney Mendonça/IMMU

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem