Mais prefeitos abandonam campanha de Wilson Lima

Assessores e conselheiros políticos do governador Wilson Lima (União Brasil), tentam falar a mesma língua, depois que os 23 prefeitos do interior do Amazonas desembarcaram da base de apoio à reeleição do chefe do executivo.


Torre de Babel

Ontem (19), secretários do governo estiveram reunidos, de 14 horas às 16 horas, no escritório do Armando do Vale, que fica na praça de alimentação na Avenida Nilton Lins, Parque das Laranjeiras, para decidir uma estratégia que pudesse estancar ou tentar reverter a debandada de prefeitos e lideranças da base do governador Wilson Lima.

Na reunião, teve quem sugerisse a realização de um workshop, palestra, conferência onde pudessem chamar todos os prefeitos e lideranças sem despertar a atenção da oposição e da mídia, em véspera de eleições.

No grupo, tem quem não concorde com a ideia, não estão falando a mesma língua.

Desespero

A ideia, seria pedir para a casa militar chamar prefeitos por Calha, alugar aeronaves, para o dito workshop, que terá temas como: ‘defesa do consumidor’, ‘projetos de desenvolvimento regional’ ou outro tema semelhante. Mas esbarrou no ‘medo’ da exposição.

Para alguns secretários, vai ser difícil disfarçar um número elevado de prefeitos e lideranças convocados pelo governo, às vésperas das eleições. Outros acham que é possível.

O problema é que o assunto da reunião vazou e, dificilmente eles terão coragem de levar a ideia suicida avante.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem