NA COLA DO G6! Na estreia de Cebolinha, Flamengo goleia o Juventude e entra de vez na briga pelo Brasileirão

DA REDAÇÃO BLITZ AMAZÔNICO / ALESSANDRO GRANDA

Vencer! Vencer! Vencer! com esse refrão do hino do clube, o técnico Dorival Júnior chegou no Flamengo discretamente, pacificou o Mais Querido e vem fazendo uma campanha de recuperação no Brasileirão ao golear a equipe do Juventude pelo placar de 4 a 0, na noite desta quarta-feira (20), no estádio Mané Garrincha, em Brasília. 

Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

Mais de 65 mil torcedores assistiram à vitória do Mengão que chegou encostou de vez no pelotão de frente com 27 pontos, na sétima colocação. Já os gaúchos permanecem com os mesmo 13 pontos, na lanterna da Série A.

INÍCIO AVASSALADOR

O Rubro Negro carioca definiu a partida logo nos primeiros 45 minutos iniciais. Não deixando o Juventude respirar dentro das quatro linhas, o Flamengo marcou três gols, sendo dois de Pedro e um de Éverton Ribeiro, antes dos 20 minutos. No segundo tempo, Lázaro marco o quarto gol e deu números finais a partida.

PRÓXIMOS CONFRONTOS

Os comandados do técnico Dorival Júnior agora volta atenção para o duelo no próximo domingo, às 11 h, quando vão até Florianópolis, encarar o Avaí, na Ressacada. No mesmo dia, o Juventude recebe a equipe do Ceará, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

PRIMEIRO TEMPO

Assim que a bola rolou no estádio Mané Garrincha, o Flamengo tratou de ter o domínio territorial da partia e encurralou o os gaúchos no seu campo de defesa. Logo aos cinco minutos, Arrascaeta fez um cruzamento de GPS para Pedro de cabeça estufar as redes do goleiro César.

Foto: Marcelo Cortes / Flamengo

O Mais Querido manteve o ritmo intenso e aos 12 minutos ampliou o placar. Éverton Ribeiro alçou bola na área e novamente ele o artilheiro reverência, Pedro, mais uma vez de cabeça fez o segundo gol.

Atordoado dentro das quatro linhas, o time da serra gaúcha não conseguia criar chances de perigo a meta do goleiro Santos. O Fla era dono do jogo e aos 17 minutos foi a vez de Gabigol cruzar para Éverton Ribeiro cabecear e assinalar o terceiro gol.

A vantagem no marcador não mudou o ímpeto do Malvadão que continuava criando chances de perigo. Aos 30 minutos, quase que Éverton Ribeiro faz o quarto gol, mas César evita o pior. A situação ficou ainda mais complicada para o Juventude, quando Jadson agrediu Gabigol e foi expulso do jogo.

SEGUNDO TEMPO

Com ampla vantagem no marcador, o técnico Dorival Júnior aproveitou para promover a estreia de Éverton Cebolinha, que entrou e deu um tempero diferente ao ataque do Mengão. Gabigol quase faz o dele aos oito minutos, mas a bola foi desviada e saiu caprichosamente pela linha de fundo.

Com uma formação mais ofensiva, o Flamengo ficava mais vulnerável para possíveis contra-ataques da equipe do técnico Umberto Louzer, mas os gaúchos pouco incomodaram a meta do goleiro Santos. Pelo lado Rubro Negro, o setor ofensivo pecava na última bola e desperdiçaram a oportunidade de fazer um placar mais elástico.

Nos minutos finais, o Mengão aumentou o ritmo e pressionou. O estreante da noite, Éverton Cebolinha quase deixou o dele aos 39 minutos, mas viu o setor defensivo tirar em cima da linha. Um minuto depois, Lázaro aproveitou cruzamento do próprio Cebolinha e marcou o quarto gol da partida.

FALA DORIVAL!

Após a partida, o comandante Rubro Negro destacou a estreia de Cebolinha e falou da evolução da equipe nas últimas partidas, em especial os quatro gols de cabeça.

"A repetição de treinamentos e um ótimo posicionamento dos jogadores, começando a atacar a bola, é o que tem feito a diferença nas bolas aéreas. Tem sido a solução em algumas partidas. O Everton teve estreia tranquila, lógico que ainda pode e vai crescer muito. É questão de tempo, desenvolvimento e trabalho. Estava há quase 90 dias sem jogar e é natural sentir uma oscilação até que encontre suas melhores condições. Vamos dar a ele todas as possibilidades de ganhar minutagem quando a partida nos der essa condição", pontuou o treinador.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 4 X 0 JUVENTUDE

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)

Data: Sábado, 20 de julho de 2022

Horário: às 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli da Silva (MG)

Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG-Fifa) e Celso Luiz da Silva (MG)

VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)

Renda: R$ 3.642.229,50

Público: 65.392 presentes

Cartões amarelos: Gabigol, Thiago Maia e Léo Pereira (Flamengo); Ricardo Bueno, Elton e Isidro Pitta (Juventude)

Cartão vermelho: Jadson (Juventude)

GOLS

FLAMENGO: Pedro, aos 5 e 12min do primeiro tempo; Éverton Ribeiro, aos 17min do primeiro tempo; Lázaro, aos 40min do segundo tempo

FLAMENGO: Santos, Rodinei, David Luiz, Léo Pereira e Filipe Luis; João Gomes (Vitinho), Thiago Maia e Everton Ribeiro (Matheus França); Arrascaeta (Victor Hugo), Pedro (Éverton Cebolinha) e Gabigol (Lázaro)

Técnico: Dorival Jr.

JUVENTUDE: César, Rodrigo Soares, Thalisson, Rafael Forster e Moraes; Yuri (Jean), Jadson, Paulo Henrique (Guilherme Parede) e Marlon (Elton); Edinho (Capixaba) e Ricardo Bueno (Isidro Pitta)

Técnico: Umberto Louzer

FLAMENGO 4 X 0 JUVENTUDE | MELHORES MOMENTOS | 18ª RODADA BRASILEIRÃO 2022

https://youtu.be/5O76QQuCDR

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem