*Por unanimidade, vereadores dedicam título de Cidadão Itacoatiarense a Amazonino Mendes

Ex-governador por quatro mandatos recebeu honraria na cidade onde atraiu investidores para a criação do Polo Graneleiro

Vereadores da Câmara Municipal de Itacoatiara concederam, na tarde desta terça-feira (05/07), o título de Cidadão Itacoatiarense ao ex-governador do Amazonas, Amazonino Mendes (Cidadania). A honraria foi proposta pelo vereador Robson Siqueira (PV) e aceita de forma unânime pelos 17 parlamentares da Casa Legislativa. Durante a solenidade, Mendes exaltou a gratidão pela homenagem em plenário e dedicou o título ao povo itacoatiarense. 
“Que as minhas palavras sejam para dizer: Eu te amo Itacoatiara”, frisou o ex-governador por quatro mandatos. 

Amazonino Mendes disse que a honraria recebida na cidade foi um dos momentos mais emotivos em sua vida pública. “Eu, sinceramente, diria que foi um dos momentos mais emotivos da minha existência. Foi uma solenidade simples, mas marcada por uma coisa grandiosa chamada, gratidão. Isso foi lindo. Me senti extremamente agraciado e meu respeito pela Câmara tornou-se grande, já que foi por unanimidade e aumentou a minha vontade de trabalhar mais ainda pelos meus irmãos”, comentou o ex-governador, destacando alguns dos legados deixados na cidade como como a construção do hospital, da escola em tempo integral, da implantação da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), além da decisão de atrair investidores para a criação do Polo Graneleiro de Itacoatiara.

O pré-candidato da Federação PSDB-Cidadania repudiou os ataques sofridos por conta da fase octogenária. “Quando meus adversários tentam me denegrir, eles não encontram nada. Não tive Polícia Federal na minha vida, nada para macular a minha vida pública. Ser velho não é crime. É alguém abençoado por Deus que quer sobreviver. É uma pessoa que encerra uma sabedoria ambulante; atravessou muitas áreas íngremes na vida. Conhece a vida, conhece as coisas. O mundo precisa dos velhos. Não é para jogar no lixo”, disse Amazonino Mendes. 

De acordo com o ex-deputado federal, Humberto Michelis, a homenagem ao ex-governador é de reconhecimento pela história escrita por Amazonino durante os anos de vida pública. “Fico emocionado ao ouvir as palavras de reconhecimento ao ex-governador. Tive o privilégio de ter acompanhado a vida do governador desde o início. E fico emocionado de ver um homem com as suas ideias, com seu trabalho e inteligência, mas sobretudo pelo amor que ele tem ao povo, ser reconhecido em vida, não é uma questão de gratidão, mas sobretudo de justiça e de reconhecimento por meio da concessão do Cidadão Itacoatiarense”, disse Humberto. 

Para o autor da propositura, o vereador e ex-aluno de Medicina formado pela UEA, Robson Siqueira (PV), o legado erguido pelo ex-governador Amazonino representa toda a funcionalidade do município de Itacoatiara. “Representa a estruturação do município. Ele deu acessibilidade, construindo as pontes das cidades, encurtando o tempo de viagem, que antes se fazia por travessia por duas balsas. Amazonino criou escolas, o hospital e a UPA, além do Cetam com ensino técnico e o superior com a UEA. Se fizermos uma reflexão e retirarmos tudo o que Amazonino fez pela cidade, com certeza nós deixaremos de ter mais de 70% dos prédios públicos. Amazonino tem importância sem igual. Nenhum outro governante fez tanto pela cidade quanto Amazonino”. 

“Itacoatiara tem a Hermasa que foi incentivada pelo governo dele e que emprega uma grande parte da população com a geração de mais de dois mil empregos diretos. Ele também intermediou a construção de um novo porto em Itacoatiara”, completou Robson Siqueira.  

*Reparação*

Segundo o vereador Arnoud Lucas, a honraria dedicada a Amazonino foi uma reparação histórica de Itacoatiara ao pré-candidato. “Amazonino, pelo tanto que ele fez por Itacoatiara, ele já deveria ser cidadão itacoatiarense há muito tempo. A gente está fazendo uma reparação histórica, dando um título para ele porque ele merece muito. Se hoje Itacoatira tem hospital, UPA (Unidade de Pronto Atendimento), Centro de Ensino Integral (CETI), colégios estaduais, o Crep (Clube Recreativo dos Professores), as duas pontes e várias obras, que influenciam diretamente na vida e na saúde de nossos itacoatiarenses, foram graças ao ex-governador Amazonino Mendes. Essa honraria é para parabenizar e agradecer tudo o que ele já fez por Itacoatiara; é uma forma de gratidão do itacoatiarense, de todo poder legislativo para agradecer tudo o que ele fez pelo nosso município”, comentou o vereador. 

O presidente da Câmara de Itacoatiara, Benedito Cabral, parabenizou o ex-governador pelo título e lamentou o preconceito contra os idosos. “O Brasil é um país de vários preconceitos, e um deles é contra as pessoas mais velhas. Precisamos corrigir isso. A história precisa corrigir, isso, doutor Amazonino. Existem países hiper desenvolvidos onde as grandes decisões são consultadas às pessoas com sapiência, exposta à sociedade. Os anos de vida, normalmente, fazem que a pessoa tenha um entendimento mais preciso nas decisões”, disse o presidente. 

*Ações*

Em seus mandados como governador do Amazonas, Amazonino criou o Terminal Graneleiro de Itacoatiara; impulsionou o Fecani; construiu escolas (entre elas um Ceti); aeroporto, um hospital, delegacia, a UEA, entre outras obras.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem