Prefeitura chama novos residentes jurídicos

A Prefeitura de Manaus, por intermédio da Procuradoria Geral do Município (PGM), convocou dois novos residentes jurídicos para que iniciem suas atividades nesta sexta-feira, 1°/7.


Eles foram aprovados no 2° Exame de Seleção do programa de Residência Jurídica. O edital com a chamada foi publicado no Diário Oficial do Município (DOM), edição n° 5.372.

Na PGM, o órgão responsável pela representação, defesa judicial e extrajudicial do município de Manaus, pela consultoria jurídica dos órgãos municipais, bem como pela inscrição e cobrança administrativa ou judicial da dívida ativa, foram recebidos pelo procurador-geral do município, Ivson Coêlho e Silva.

“Conseguimos nomear mais dois residentes, que ajudarão a instituição na defesa da coisa pública. Eles, por sua vez, além de contar com a experiência dos procuradores, terão aulas mensais para capacitação, recebendo, por sua vez, contraprestação pecuniária. Assim, o programa beneficia tanto os residentes quanto a Prefeitura de Manaus”, frisou Ivson Coêlho.

Residência Jurídica

O Programa de Residência Jurídica (PRJ) da PGM se caracteriza como treinamento em serviço com atividades práticas e teóricas, no qual o aluno-residente recebe uma bolsa-auxílio mensal de R$ 2.500, valor estipulado em lei.

Cada residente pode atuar no PRJ por um período máximo de 24 meses, com orientação de um procurador do município, atuando como preceptor, além do acompanhamento do Centro de Estudos, Divulgação e Biblioteca (CEDB), órgão auxiliar da PGM.

Mais de 1.100 candidatos participaram do 2° Exame de Seleção, que ofereceu 20 vagas, sendo duas vagas reservadas para Pessoas com Deficiência (PcDs). A prova foi realizada em única etapa, em dezembro de 2021.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem